Notícias Adventistas

Emoção marca cerimônia de jubilação de pastores do DF e entorno

Quatro pastores participaram da cerimônia que representa a conclusão do ministério pastoral

Por Pâmela Meireles 11 de dezembro de 2018

Pastores foram homenageados pelos anos de dedicação e empenho [Fotos: André Azevedo]

Neste domingo, 9 de dezembro, aconteceu a Cerimônia de Jubilação Pastoral. O momento foi um marco na vida de quatro pastores e suas famílias. Carlos Alberto Rosa, Hil Deor Martins, Jaire Oliveira e Joaquim Rocha foram homenageados pelos anos de dedicação à obra missionária.

Passado o período mínimo de 35 anos de atividades ministeriais, o pastor passa pela Cerimônia de Jubilação, momento que marca a conclusão das atividades pastorais de forma prática. Rocha agradece imensamente a Deus, a sua família e à Igreja Adventista do Sétimo Dia  pelo apoio incondicional que recebeu ao longo desses anos. O pastor mora no Gama desde criança e agora passará a frequentar a mesma igreja de sua infância. “O ministério é feito em conjunto com todos. Todos juntos fazendo o melhor para a volta de Jesus Cristo”, afirma.

Trabalho das esposas também foi reconhecido

Martins agradece especialmente a sua mãe. “O sucesso do meu ministério foi fruto das orações intercessórias dela”, reconhece.

Para Oliveira, o momento é de gratidão e de reconhecer a ajuda de Deus. “Trabalhar na Igreja 36 anos, servir à Igreja em tempo integral e chegar ao momento de receber o prêmio da jubilação é um privilégio. A maior recompensa para nós vai ser chegar no céu e dizer ‘que bom que você está aqui’”.

“Pastor é pastor sempre, não tem esse negócio de pendurar a Bíblia. Alguns penduram as chuteiras, mas nós não penduramos a Bíblia, ela vai estar sempre em nossas mãos alimentando a igreja”, conclui Rosa.

Cássia Oliveira, Dilza Holland, Marlene Oliveira e Nelci Rocha, esposas dos pastores jubilados, também receberam homenagens.

 

Conheça os pastores jubilados:

Carlos Alberto Rosa Oliveira

Nasceu no Rio de Janeiro, em 13 de junho de 1953. Cursou a faculdade de teologia no ENA (Educandário Nordestino Adventista), concluindo-a em 1985. No dia 24 de dezembro de 1978, casou-se com Marlene Medeiros de Almeida Oliveira. O casal tem dois filhos, Samira de Almeida Oliveira e Hudson de Almeida Oliveira. Atualmente tem 5 netos: Iago, Ian, Iasmin, Luísa e Arthur.

Seu ministério iniciou em 1986, onde atuou como pastor distrital na cidade de Imbarié, no Estado do Rio de Janeiro. De 1988 a 1989 foi tesoureiro associado na Associação Rio de Janeiro. Do Rio de Janeiro foi transferido para a Bahia, onde serviu como tesoureiro, de 1990 a 1996. De 1997 a 2004 atuou como presidente do campo na Associação Bahia. Em 2004 e 2005 assumiu a presidência da Associação Pernambucana.
De 2006 a 2012, assumiu o departamento de Mordomia da União Centro Oeste Brasileira. Na Associação Planalto Central liderou o distrito de Taguatinga Norte, de 2013 a 2016.
E desde o ano passado liderava o distrito em Valparaíso.

Hil Deor Martins da Silva

Nasceu em Santa Helena de Goiás e foi batizado aos 10 anos de idade. Sua família sempre recebia e acomodava os colportores que passavam pela região, e pela influência desses colportores, foi estudar no ENA (Educandário Nordestino Adventista), onde fez o primeiro ano da faculdade de Teologia, em 1979. Mas, concluiu o curso no IAE (Instituto Adventista de Ensino de São Paulo), em 1983.

Em 19 de abril de 1984 casou-se com Dilza Holland Martins e tiveram três filhos: Joyce, Marlow e Aileen. Tem duas netas, Serena e Sara.

Por ter colportado todas as férias durante o curso de Teologia e liderado equipe nos dois últimos anos, em 1984 foi chamado para servir na área de publicações na Associação Paulista Sul, como diretor associado. De 1985 a 1987 serviu na Associação Paulista Oeste, na mesma área.

De 1988 a 1991, atuou como diretor de publicações na Missão Matogrossense, em Cuiabá. De 1991 a 1994, foi diretor de publicações na Associação Brasil Central em Goiânia. De 1995 a 1996 foi diretor de publicações na Associação Paulista Central em Campinas/SP. E em 1997 na Associação Planalto Central (APLaC). Em 1998 iniciou como pastor distrital em Ceilândia Sul e ficou por dois anos atuando no distrito. Novamente dirigiu o departamento de publicações de 2001 a 2004 na APlaC. De 2005 a 2006 atuou como distrital em Planaltina-DF, de 2007 a 2010 no Guará, de 2011 a 2013 no Núcleo Bandeirante, e de 2014 a 2018 no distrito do P-Norte, na região de Ceilândia.

Jaire Silva de Oliveira

Nascido em 09 de abril de 1957, em Santo Antônio da Patrulha, no Rio Grande do Sul. Formou-se em 1982. Em 1983 iniciou o seu ministério como diretor de Publicações para estudantes na Associação Paulista Sul. Após 3 meses, recebeu chamado para Manaus, AM, na mesma área, onde ficou até 1985.

De 1986 a 1988 atuou como departamental de Publicações na Associação Brasil Central em Goiânia-GO. Foi tesoureiro e diretor administrativo no IABC de 1989 a 1990. Em função de um acidente, em 1991 voltou para Goiânia, onde necessitava de fisioterapia intensiva. Ali assumiu o departamento de Mordomia por um ano.

De 1992 a 1994 atou como distrital na igreja central de Anápolis, GO. Chegou em Brasília em março de 1994, para assumir a igreja central de Brasilia, onde permaneceu por sete anos. De 2001 a 2006 serviu no distrito do Guará que, na época, incluía Núcleo Bandeirante e Riacho Fundo I. Em 2007, houve um ajuste no distrito, e o Núcleo Bandeirante se tornou a sede de um novo distrito, ficando com Candangolândia e Riacho Fundo I. Em 2008 sai Candangolândia e Riacho Fundo e entra Sudoeste numa composição com Núcleo Bandeirante. Após concluir a construção da Igreja em 2010, o pastor ainda permaneceu no local por nove anos.
Mais tarde, assumiu Taguatinga Norte para construir a igreja. Então ficou com Sudoeste e Taguatinga Norte. Durante três anos pastoreou e construiu Taguatinga Norte. Que, logo em seguida, se desvincula do distrito e entra Asa Norte e Basevi por seis meses.

De 2010 a 2015, pastoreou o distrito do Sudoeste. E em 2016 assumiu o distrito dos Lagos, onde estava até o momento. Totalizando 25 anos em Brasília, DF.

Joaquim Ferreira Rocha

Nasceu em Nanuque, MG, no ano de 1958. Aos nove anos de idade, veio morar em Brasília,DF e foi batizado aos 13 anos pelo Pr. José Maria Barbosa e Silva, na igreja Central de Brasília.

Aos 21 anos de idade foi para o ENA (Educandário Nordestino Adventista) fazer o curso de Teologia e o concluiu em 1983. Antes de começar o curso, já namorava com sua esposa, Nelci da Silva Rocha, e em 1984 casaram. O casal tem 2 filhos: Joanes e Jeane.

Iniciou no ministério pastoral em 1984 como assistente de colportagem na Associação Brasil Central, depois foi capelão do Colégio Adventista do Gama por um ano.

Trabalhou nos distritos de Santa Isabel (Anápolis-GO), Pires do Rio, GO, Sobradinho, Taguatinga Norte, Planaltina, Gama, Samambaia, Luziânia, Cidade Ocidental e Pedregal, no Distrito Federal.

 Confira mais fotos:

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox