Notícias Adventistas

Desbravador conduz familiares ao batismo através de influência pessoal

Seus pais voltaram a ter contato com a Igreja por meio do garoto de 12 anos.

Por Andreia Silva 5 de outubro de 2018

No período em que muitos juvenis estão mostrando publicamente sua decisão ao lado de Cristo, o pequeno William teve a oportunidade de dividir o tanque com os pais e avô.

A chegada da estação das flores trouxe mudanças na vida da família Munhoz, que vive na cidade de Formigueiro, no noroeste do Rio Grande do Sul. Ex-adventistas há mais de 10 anos, eles tiveram um novo contato com a Igreja através do Clube de Desbravadores, onde decidiram colocar seu filho, William.

“Nós víamos que a influência que ele recebia do ambiente escolar não era favorável para o desenvolvimento dele. Então resolvemos colocar no clube porque sabíamos que era algo bom, mas não tínhamos intenção de ir à igreja”, conta o pai, Luciano Munhoz.

O que eles não esperavam é o que aconteceria na sequência. “Começamos a ver uma mudança na vida dele. Lia a Bíblia, criou mais responsabilidade e dizia não poder fazer nada errado, porque agora era um desbravador. Isso foi mexendo com a gente”, sublinha a mãe, Flávia Munhoz.

O clube fica em Santa Maria, cidade localizada a 60 km de Formigueiro. Os pais pensaram em desistir de fazer este percurso todos os domingos, mas o filho de 12 anos não deixou. “Eu sempre comentava com meus pais o quanto era bom participar do clube e os convidava para ir. Contava sobre como estudávamos a Bíblia e os convidava para estudar comigo o cartão que eu recebia. Então continuamos a ir. Em pouco tempo, vestiram a camiseta do clube e começaram a visitar a igreja também”, relembra.

Recentemente, William, seus pais – e inclusive o seu avô -, foram batizados. Nos últimos dias, foi a vez dos tios e tias, que também já vinham estudando a Bíblia. Através de tudo o que aconteceu, hoje o garoto tem uma nova aspiração de vida. “ Quero ser pastor e pregar para as pessoas”, sonha.

Tios de William também entregaram a vida a Deus durante uma das Caravanas Novo Tempo.

Batismo da Primavera

“A ideia do batismo da Primavera é atender os ‘filhos’ da igreja”, conta o pastor Marcos Júnior, presidente da Igreja Adventista no centro do Rio Grande do Sul. “Por isso temos muitos juvenis que são instruídos pelos seus pais e que são batizados nesta época. Aqui, além dos batismos nas igrejas, realizamos muitos batismos nas caravanas que aconteceram na região”, completa.

Algumas semanas de oração também estão ocorrendo neste período, oportunizando decisões ao lado de Cristo por parte daqueles que já vêm há algum tempo estudando a Bíblia e sendo discipulados.

Veja mais fotos do Batismo de Primavera:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox