Notícias Adventistas

Casal completa 60 anos de união e revela segredo para relacionamento

Os mineiros Milton e Maria comemoraram Bodas de Diamante no mês passado em uma união com Deus

9 de junho de 2016
Depois de casados, a mensagem adventista chegou ao lar de Maria e Milton. E eles garantem que a presença de Deus fez toda a diferença no relacionamento.

Depois de casados, a mensagem adventista chegou ao lar de Maria e Milton. E eles garantem que a presença de Deus fez toda a diferença no relacionamento.

São José dos Pinhais, PR…[ASN] Foi na cidade de Ibitiúra de Minas, com um pouco mais de três mil habitantes, no sul de Minas Gerais, que começou a história de Milton e Maria de Oliveira. Ainda na fase juvenil se conheceram, e muitas vezes se encontravam em locais frequentados por seus pais. Os dois trocavam olhares e tinham uma simples paquera, mas nada oficializado. Na adolescência, o namoro foi assumido, mas não demorou muito para que Maria, na época com 18 anos, e Milton com 20 anos, se casassem no dia 26 de maio de 1956. No começo da jornada a dois, o casal ainda não era adventista.

O casal se conheceu ainda na juventude.

O casal se conheceu ainda na juventude.

Depois de alguns anos, já com dois filhos, Maria e Milton decidiram se mudar para a cidade de São João do Ivaí, no Paraná. Ali, além da família ganhar novos integrantes totalizando sete filhos – três homens e quatro mulheres –  a mensagem adventista também fez a diferença na família. “Um casal de paranaenses que morava em São João do Ivaí foi muito persistente conosco. Eles vinham de longe de carroça até a nossa casa para dar estudo. Então conhecemos a verdade, fomos batizados e estamos na igreja até hoje”, relembra Milton, que há mais de 40 anos se tornou adventista.

A descoberta da Bíblia e a comunhão com Deus fizeram com que casamento tomasse novos rumos. Segundo Milton,  o relacionamento melhorou ainda mais. “Depois que conhecemos Jesus e Ele entrou no meio da nossa família, aí ficamos casados em três. Passamos a nos amar mais ainda. Com Jesus foi só alegria!”, sente.

Maria revela que Milton sempre foi muito presente, desde a criação dos filhos até no sustento da família. “Ele me ajudava quando os filhos choravam à noite, levantava e ia trocar as fraldas de pano na época. Tinha um período que eu fazia pão, salgadinhos, doces e ele saía para vender na rua. Sempre lutamos nós dois juntos, e conseguimos construir a nossa casinha”, relembra Maria.

Deus é o segredo

Para comemorar os 60 anos de casados, Milton e Maria participaram de um ensaio fotográfico.

Para comemorar os 60 anos de casados, Milton e Maria participaram de um ensaio fotográfico.

Sessenta anos se passaram desde o dia do grande “sim”. No mês passado, Milton, com 80 anos, e Maria, com 78 anos, comemoraram as Bodas de Diamante. Mesmo com os obstáculos que a vida traz, o matrimônio sempre foi composto de muito amor e cumplicidade. “Não tem como não amá-lo, porque ele é companheiro, muito dedicado, está sempre junto quando preciso. Cada dia a gente vai se apegando mais. Um precisa muito do outro”, declara Maria.

Diante de um relacionamento tão duradouro, o casal acredita que o segredo para se chegar até aqui está centralizado em Deus. “Tudo isso é por Deus! A gente se ama de verdade e temos uma família muito querida. Deus realmente está no comando, se não fosse Ele não estaríamos aqui agora”, enfatiza Maria. E Milton completa: “o segredo é muito fácil. Quando a gente ama, toleramos algumas coisas também. Fiz a escolha certa. Ela me ama muito e eu também a amo”.

A união resultou em sete filhos, 18 netos e 11 bisnetos.

A união resultou em sete filhos, 18 netos e 11 bisnetos.

O amor do matrimônio se estendeu aos demais da família Oliveira e resultou em um relacionamento muito próximo entre todos. “Todos são muito amorosos conosco. Minhas netas sempre ligam, o tempo todo, e elas dizem que são assim conosco  porque nós também demos carinho a elas”, conta Milton que todo domingo reúne a família para almoçar em sua casa.

Dessa união, o casal teve sete filhos, 18 netos e 11 bisnetos. Todos moram no Paraná em cidades da região metropolitana de Curitiba. Atualmente, Maria e Milton residem em São José dos Pinhais e frequentam a igreja de Posto Paris.

Depois de tanto tempo, ainda é perceptível o carinho e admiração de um para com o outro, o amor transborda. “Parece que cada vez a gente se ama mais! Somos mais que namorados, é amor demais!”, conclui Milton. [Equipe ASN, Jéssica Guidolin/ Fotos: Valera Fotografia]

Veja mais fotos do ensaio de Milton e Maria:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox