Notícias Adventistas

Ações de saúde são promovidas por adventistas do Tatuquara, em Curitiba (PR)

No total, 70 voluntários ajudaram na Feira de Saúde ou na ação contra a dengue

7 de abril de 2016
Os fiéis dedicaram seu sábado à tarde para levar informação e o alerta às famílias do bairro Dom Bosco.

Os fiéis dedicaram seu sábado à tarde para levar informação e o alerta às famílias do bairro Dom Bosco.

Curitiba, PR…[ASN] O último sábado (2) foi intenso para os jovens do Geração 148, adolescentes e desbravadores do Tatuquara, em Curitiba. A dedicação ao próximo e a preocupação com a saúde foram pontos evidenciados entre esse grupo de voluntários, que realizou uma Feira de Saúde e a campanha de conscientização contra o mosquito Aedes aegypti.

Os fiéis da igreja do Dom Bosco, em parceria com a Unidade de Saúde do bairro, realizaram um mutirão de saúde de casa em casa, levando informação aos moradores e eliminando os focos do mosquito transmissor de doenças como a dengue, o zika vírus e a febre chikungunya. “Nosso trabalho, como cristãos, é levar vida às pessoas. Vimos a importância de estarmos engajados na ajuda em nossa comunidade, nesta questão de orientação contra o mosquito. Quanto mais gente estiver consciente da seriedade do problema, menos pessoas ficarão doentes”, acredita Uilson dos Santos, um dos participantes dessa ação.

Já a Feira de Saúde aconteceu na Comunidade Abraão – região carente do bairro Caximba. Desde o ano passado, as congregações adventistas que compõem o distrito do Tatuquara se dedicam para o estabelecimento de um novo grupo de fiéis nesta comunidade. No mês de janeiro, o local recebeu um templo construído com o apoio dos participantes da Missão Calebe.

A Feira de Saúde na Comunidade Abraão foi um pontapé para as próximas ações que serão realizadas na região.

A Feira de Saúde na Comunidade Abraão foi um pontapé para as próximas ações que serão realizadas na região.

Segundo um dos líderes jovens, Claudiney Correa, a feira foi uma maneira dos adventistas ganharem espaço nessa localidade e se estabelecerem. “Como a igreja é recém-construída e o local apresenta essa carência de ações mais relevantes, a feira de saúde foi como um primeiro passo para que a igreja possa chegar mais perto das pessoas, alcançando-as pela amizade e afeto. Ou seja, a igreja está ali para servir a comunidade”, explica.

A intenção é que esta comunidade, com o suporte dos grupos das outras congregações, receba diversos tipos de ações durante os próximos três meses. Os voluntários foram desafiados a organizar ações relevantes no sábado ou domingo dessas próximas semanas. “A igreja (na Comunidade Abraão) já está firmada, as pessoas que ali frequentam estão animadas e motivadas. Creio que essa ajuda que o distrito está dando, fortalece a união”, comenta Correa. [Equipe ASN, Jéssica Guidolin]

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox