Notícias Adventistas

Projeto Pegadas cresce no Maranhão

18 de novembro de 2014
Famílias se reunem em treinamento do Projeto Pegadas.

Famílias se reunem em treinamento do Projeto Pegadas.

São Luís, MA… [ASN] Com o sucesso do Projeto Pegadas em todo o Brasil,  a igreja adventista do Norte do Brasil implantou seu projeto piloto na capital maranhense e no último final de semana aconteceu o lançamento do Pegadas para as demais igrejas do norte do Maranhão. Por isso pastores e famílias representando as suas igrejas, se reuniram  por quatro dias para entender melhor o projeto com o próprio autor, o pastor americano Dom MacLafferty.

O projeto Pegadas que foi adaptado para o Brasil em 2011,  chegou ao Norte do país na cidade de São Luís em 2013. No início deste ano ele foi aplicado na igreja do CASL que recebeu treinamento e como resultado conta atualmente com sete grupos e um total de 70 famílias envolvidas.

De acordo com o pastor MacLafferty o projeto tem a intenção de reavivar as famílias no estudo da bíblia, no relacionamento familiar e no discipulado, uma vez que fortalecida vai ser uma ótima influência para amigos e vizinhos.

Etapas de desenvolvimento

O projeto pegadas pode parecer a princípio um Pequeno Grupo composto por famílias, mas as apostilas que direcionam as reuniões tem um enfoque diferenciado do estudo da bíblia, porque contêm dinâmicas, atividades e metas sempre voltadas para o relacionamento familiar. É  o que explica a professora Miria Reis, responsável pelo projeto na região norte do Maranhão, “estes pequenos grupos se reúnem semanalmente e trabalham  as apostilas de acordo com a fase ou com o momento em que o grupo está vivendo: primeiramente como mentor, depois pais mentores e por fim pais discipuladores dos filhos”.

O projeto dura em média 24 semanas. Nas primeiras  12 semanas os grupos  fazem as atividades das apostilas separados em dois: um de pais e outro dos filhos. Porém nas últimas doze semanas  pais e filhos estudam as lições bíblicas juntos.

Primeiros resultados alcançados

Na igreja do CASL onde o projeto Pegadas já esta em andamento desde o início do ano, os resultados já estão aparecendo, pois duas famílias estão realizando estudos bíblicos e tem incluído seus filhos neste processo.

Outro resultado positivo é que os adolescentes tem demonstrado interesse de se tornarem mais ativos na igreja. Uma iniciativa tão bem recebida que atualmente, uma vez por mês o culto de quarta-feira é totalmente dirigido pelos próprios adolescentes. Uma oportunidade que o pastor da igreja atribui ao projeto Pegadas. “Se eu não tivesse envolvido com este ministério que visa discipular jovens, adolescentes e crianças para Jesus, talvez eu achasse que não seria bem aceito pela igreja o fato dos adolescentes estarem a frente pregando. Mas a visão já havia impactado meu coração, e foi aberto o espaço que tem sido uma benção para nossa igreja e para o desenvolvimento dos adolescentes” justificou Luiz Antônio Dias, pastor da igreja adventista do CASL. [Equipe ASN, Glória Barreto. Fotografia – Luz Souza]

Cada família veio representando sua região para levar o projeto para as igrejas adventistas do norte do estado.

Cada família veio representando sua região, para levar o projeto para as igrejas adventistas do norte do estado.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox