Notícias Adventistas

Templo adventista é reinaugurado em Araguaína

Após 19 anos Igreja Central de Araguaína ganha nova estrutura para contribuir com a missão

Por Fernanda Silva 1 de outubro de 2021

Momento do corte da fita conta com a participação de pioneiros, administração da Missão Tocantins e pastores distritais

O último sábado, 25, foi marcante para os membros da Igreja Adventista Central de Araguaína que participaram da cerimônia de reinauguração do templo. A igreja é responsável pelo desenvolvimento da mensagem na região norte, que atualmente conta com 30 igrejas. Este já é o oitavo templo concluído como parte do projeto da Missão Tocantins de contribuir para a construção, reforma e expansão patrimonial de 40 igrejas, tornando os ambientes de culto cada vez mais qualificados para representar a casa de Deus.

Diferentemente do bonito e confortável templo que hoje possui, a Igreja Central de Araguaína começou no final de 1967 em um barraquinho de palha. A inauguração do templo aconteceu no dia 31 de dezembro de 2002, pelo Pastor Iron Veloso, que se dedicou ao ministério na região por 10 anos e esteve presente no evento. “Estou muito feliz em participar desse momento e perceber que a igreja tem crescido a cada dia!”, celebra o pastor Veloso. O programa do culto contou com uma verdadeira festa batismal realizada pelo pastor distrital atual, Eduardo Nogueira e o pastor jubilado Iron Veloso, ao todo oito pessoas assumiram publicamente o compromisso de entregar a vida a Jesus.

30 membros fundaram a igreja, que hoje reúne 200 membros ativos. Dentre o grupo de pioneiros estavam, Enoque Paiva, Nézio Arruda e sua esposa, que se emocionaram durante o culto de reinauguração. “Há 53 anos começamos trabalhar aqui e graças a Deus a igreja tem crescido, esse momento é uma oportunidade de renovação do nosso compromisso individual de trabalhar ainda mais para apressar a volta de Jesus”, explica Paiva.

A reforma durou dois anos, os membros que frequentam a igreja sentiam a necessidade de terem melhor estrutura para servir a comunidade. O ambiente se torna mais receptivo para acolher aqueles que desejam aprender mais sobre a Bíblia e traz motivação e alegria aos membros para continuarem trabalhando na missão. “Queremos que a igreja seja um centro missionário para alcançar todos e para isso estamos criando projetos missionárias com este foco”, diz o pastor Nogueira, distrital da Igreja Central de Araguaína.

Para acessa mais fotos clique aqui

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox