Notícias Adventistas

Reunião administrativa no Centro-Oeste tem foco na missão

Líderes estabeleceram objetivos para o segundo semestre de 2021 e para 2022

Por Jenny Vieira 25 de julho de 2021

Líderes da Igreja no Centro-Oeste alinharam metas para os próximos meses. Foto: Fernanda Silva

A Comissão Diretiva Plenária da Igreja Adventista para a região Centro-Oeste do país terminou hoje, após discutir planos para os próximos meses e alinhar objetivos com os líderes locais. As ênfases da igreja em toda a América do Sul foram colocadas em pauta e também se tornaram as ênfases para a União Centro-Oeste Brasileira. O foco está nas seguintes áreas:

  1. Escola Sabatina e Pequenos Grupos – Participar ativamente em unidades de ação da Escola Sabatina e Pequenos Grupos.
  2. Estudos Bíblicos – Buscar e atender interessados com estudos bíblicos.
  3. Novas gerações – Integrar, cuidar e desafiar as novas gerações para maior compromisso com Deus, a igreja e a missão.
  4. Ancionato – Intensificar a liderança espiritual e missionária do ancionato (masculino e feminino).

Leia também:

Comissão Diretiva Plenária da UCOB teve início nesta sexta

Maior templo Adventista do Tocantins é inaugurado

Atualmente, o território da UCOB conta com 135.500 membros ativos e 1.546 congregações, entre igrejas e grupos. Mesmo em um período de crise, a igreja tem se mostrado ativa na missão e o objetivo é sempre aumentar os números, não pensando apenas em quantidade, mas tendo como principal propósito, espalhar o evangelho.

Para o pastor Jomarson Dias, responsável pelo departamento de Missão Global nesta região, é preciso resgatar a vocação do plantio de igrejas em pastores, líderes e membros. “Para outros pastores, uma igreja cresce quando ela está lotada. Para um pastor adventista, a igreja cresce quando ele espalha os seus membros e cria novas igrejas”, explica.

Projeto Elite Missionária

Um modelo de evangelismo que tem funcionado é o projeto Elite Missionária que acontece no estado do Tocantins, desde 2020. Todos os anos, membros da igreja são treinados para o discipulado. Eles aprendem sobre o processo de levar alguém a Cristo e já incluir essa pessoa na missão, para que, ao ser batizada, ela também comece a trabalhar na salvação de outras pessoas.

Foi dessa forma que Edimilson Carvalho conheceu a Jesus. Após ver sua esposa estudando a Bíblia e se batizando, ele também se interessou. Ele e os dois filhos foram batizados e no dia do seu batismo, Edimilson escolheu seu pai para dar estudos bíblicos. Quem o acompanha desde o início é Domingos Neto. Mais conhecido como DNeto, o ancião da igreja central da cidade de Ananás – TO, tem realizado o discipulado com toda a família de Edimilson. Segundo ele, o projeto tem rendido muitos frutos na cidade. “Nossa cidade, que em 2019 contava com apenas uma congregação, hoje já soma três igrejas, sendo uma delas em um assentamento. Atualmente, os membros contam com 100 estudos bíblicos na região e continuam trabalhando pra aumentar esse número”, conta.

Colportagem com propósito

A missão por meio do discipulado também tem acontecido no Ministério da Colportagem. Atualmente, no território da UCOB, cerca de 400 colportores realizam o trabalho de porta em porta e on-line, visitando pessoas interessadas pela mensagem de saúde, família e espiritualidade. Somente nesse ano, já foram distribuídos mais de 25 mil livros e revistas no Centro-Oeste.

Dariane Sousa de Brito é uma das colportoras que tem realizado seu trabalho com um objetivo maior que o lucro. Em 2020, ao apresentar os manuais a uma amiga antiga, Dariane percebeu que ela precisava de algo mais. Começaram a estudar a Bíblia juntas e além de aceitar a Jesus, sua amiga, Evanelde, resolveu que também seria uma colportora.

Durante a Comissão Plenária da UCOB, Evanelde entregou sua vida a Jesus por meio do batismo, disposta a seguir no trabalho da colportagem e levar outras pessoas a Jesus.

Instituto de Missão UCOB

Outro projeto que tem ganhado destaque e investimentos na região, é o Instituto de Missão da UCOB. Localizado dentro do Instituto Adventista Brasil Central (IABC), o Instituto de Missão tem o objetivo de preparar, enviar, mentoriar e auxiliar na transição cultural de missionários. Durante o primeiro semestre desse ano, foram realizados um curso de missão transcultural, a capacitação do OYiM, visita e estudo de campo da base localizada no Araguaia e seleção de missionários do Serviço Voluntário Adventista da UCOB.

Para 2022, o objetivo é ampliar a área de atuação do Instituto, realizando treinamentos para os membros das igrejas locais, fortalecendo o EAD por meio de cursos on-line e estabelecendo mais parcerias para o envio de missionários.

Os cursos são oferecidos para pessoas de qualquer denominação e o envio de missionários é realizado por meio de parcerias com outros projetos e instituições da igreja adventista, dentro e fora do Brasil.

“No último curso que realizamos tivemos a presença de um aluno não adventista. Após participar das aulas, ele falou do curso para várias pessoas e agora temos uma grande procura de pessoas não adventistas pelos nossos cursos. Eu vejo isso como uma forma de levar Jesus a essas pessoas”, comemora Aline Piologro, diretora do Instituto de Missão da UCOB.

Aline Piologro, diretora do Instituto de Missão da UCOB, fala sobre realizações e planos futuros para o instituto.

Ministério Jovem

Dentro do Ministério Jovem a missão também não parou. O projeto Um Ano em Missão (OYiM), que precisou ser interrompido no ano passado, por conta da pandemia, neste ano, contou com a participação de 101 jovens que formaram 11 equipes, sendo uma delas no Paraguai.

Já a Missão Calebe superou as expectativas. Para 2021, o objetivo era alcançar 36 mil calebes em todo o território e o número de participantes chegou a 36.838. “Em 2022, nossa meta é de 40 mil calebes e queremos que a igreja toda faça parte dessa missão”, reforça o pastor Richard Ogalha, líder de Jovens para a região.

Todos os relatórios apresentados, mostraram que o foco da igreja para esta região é a missão. Para finalizar os trabalhos, foi apresentado o livro missionário para 2022, que tem como título: O último Convite – Uma mensagem de esperança. O pastor Stanley Arco, presidente da Igreja para a América do Sul fez a oração de consagração do livro que tem como tema principal as três mensagens angélicas apresentadas em Apocalipse 14. Para o território da UCOB, já foram encomendados 1 milhão e 500 mil livros para serem distribuídos no próximo ano.

O presidente da Igreja para os cinco estados do Centro-Oeste, pastor Alijofran Brandão, finalizou a reunião administrativa citando o verso de Mateus 5:14: “Vós sois a luz do mundo. Uma cidade edificada sobre um monte não pode ser escondida”, e encorajando a todos os presentes a levarem a mensagem de salvação a todos os cantos da terra e a serem luz onde estiverem.

O livro missionário para 2022 foi consagrado e distribuído entre os líderes presentes. Foto: Fernanda Silva.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox