Notícias Adventistas

Retiro Espiritual reuniu cerca de 600 mulheres em Brusque (SC)

Evento trabalhou temas voltados à sexualidade, autoestima, finanças e espiritualidade.

Por Luciene Bonfim 23 de novembro de 2018

Programa realizado em duas datas diferentes, inspirou mulheres a fazerem a diferença no meio onde vivem

Transformando em Pérolas foi o tema escolhido para o Retiro de Mulheres da Igreja Adventista na região central do Paraná. Realizado em Brusque, Santa Catarina, o evento dividido em duas datas diferentes reuniu cerca de 600 mulheres.

A temática do programa abordou de maneira bem intencional o mecanismo de defesa de uma ostra. Fazendo uma alusão sobre a substância estranha que causa desconforto no interior da ostra, a líder das mulheres adventistas na região central do Paraná, Rael Braz, explicou que da mesma maneira que esse processo dolorido, tem como resultado, uma bela pérola, do mesmo modo, ainda que as mulheres passem por problemas e adversidades em suas vidas, se elas se colocarem nas mãos de Deus, Ele poderá usá-las de maneira poderosa, transformando a dor, em alegria.

Marilene, viúva aos 25 anos, contou como superou as adversidades ao cuidar de sua família após a morte do marido

“A gente viu testemunhos de mulheres que perderam o marido, mas que conseguiram, formar os filhos, conseguiram vencer na vida de uma maneira maravilhosa. Quando nós pensamos nesse tema sobre pérolas, queríamos que elas se sentissem esperançosas, e que realmente deixassem Deus conduzir suas vidas. Independe das dificuldades que elas venham passar, ou vivem atualmente, o segredo é entregar a vida nas mãos de Deus, confiar NEle, pois Ele não se esquece de ninguém”, ressalta Rael.

Para abordar temáticas que fazem parte do dia-a-dia das mulheres, o programa tratou assuntos relacionados à autoestima das mulheres, sob um ponto de vista diferente. De maneira ampla, a doutora em psicologia Carla Storch, mostrou o lado mulherão que todas as mulheres têm, segundo ela, a mulher possui infinitas qualidades, é persistente, batalha por seus sonhos e objetivos e isso as torna ainda mais atraentes e influentes no meio onde vivem.

Assuntos relacionados à violência e o abuso, foram discutidos na palestra intitulada Amores que Matam. De forma clara, e com muita propriedade sobre o assunto, a Dra. Carla destacou os ciclos do abuso, e enfatizou à importância da mulher denunciar toda e qualquer tipo de violência. Desde à violência psicológica, moral e física.

Carla Storch, doutora em psicologia, abordou assuntos relacionados à autoestima, abuso e sexualidade

De maneira divertida e dinâmica, questões sobre à sexualidade da mulher e do homem, foram abordadas no sábado à tarde. Com especialização na área, a Dra. Carla, trouxe conteúdos relevantes e esclareceu dúvidas, que as mulheres tinham em relação ao sexo, traumas de abusos na infância, entre outros.

Durante o evento, esteve presente a líder das mulheres para o sul do Brasil, Denise Lopes,  que enfatizou a espiritualidade das mulheres, ressaltando o potencial que elas têm, e o quanto elas podem ser usadas por Deus para atuarem através do Espírito Santo, na vida de suas famílias, e na comunidade como um todo.

Na ocasião, líderes administrativos da Igreja Adventista prestigiaram o evento, sendo eles, o pastor  presidente da Igreja Adventista no sul do Brasil, Marlinton Lopes, pastor e presidente da igreja na região central do Paraná, Lourival Gomes, pastor e secretário executivo da igreja, Paulo Machado, pastor e diretor financeiro da igreja, Ilton Hubner. A mensagem musical foi realizada pela cantora Patrícia Moreira.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox