Notícias Adventistas

Eventos

Projeto MEL celebra 10 anos de ministério em SC

Mulheres Evangelizadoras Levando Luz completa, em 2021, o décimo ano de ministério na Igreja Adventista no centro sul de Santa Catarina


  • Share:

Para celebrar, foi lançado o novo arganel para os 10 anos do projeto MEL

O trabalho missionário do Projeto MEL (Mulheres Evangelizadoras Levando Luz) completa 10 anos em 2021. São muitas histórias de fé, determinação e discipulado. Jaqueline é um destes casos. Sua mãe foi evangelizada e batizada no presídio regional de Itajaí, por Soraia, uma líder do MEL na região de Itajaí, e ao sair da detenção, pediu para o projeto MEL ministrar estudos bíblicos para suas duas filhas. Jaqueline, uma das filhas, aprendeu sobre Deus e foi batizada recentemente. E neste sábado, 24 de outubro, ela foi investida no projeto MEL também e está pronta para ser uma discipuladora.

São ciclos como esse que multiplicam as bênçãos deste projeto na região centro sul de Santa Catarina (Associação Catarinense – AC). E para celebrar esses 10 anos ministério, foi realizada uma programação no último sábado, 23 de outubro, na cidade de Palhoça. “Você, como MEL, não deve apenas produzir uma ‘laranja’ [um batismo], mas sim uma laranjeira, que produz outros batismos em grande quantidade”, comenta o pastor Paulo Lopes, líder geral da Associação Catarinense.

Na programação, as mulheres puderam acompanhar a vida de discipulado de personagens da Bíblia, como Ester, Ana, esposa de Noé, Sara e tantas outras mulheres de fé. “Essas mulheres tinham uma preocupação com seus descendentes espirituais. Esse é o nosso objetivo, trabalharmos em nome de Jesus e cumprirmos o nosso papel para esse último tempo. Deus mudou o nome de Sara para ela ter certeza do seu chamado. Saiba que um dia Deus vai mudar o seu nome, no dia que Ele voltar. E esse novo nome que você vai ter será a experiência que você teve com Deus aqui na Terra”, declara a líder do Ministério da Mulher da AC,  Simei Porfírio.

Nesta década de atuação do projeto MEL, mais de 27 mil mulheres já foram alistadas no Sul do Brasil nesse exército de discípulas de Cristo. “Quando projetamos o MEL, algumas pessoas não acreditavam no envolvimento das mulheres por uma série de fatores. Mas eu sabia que precisávamos de um foco, um chamado. Hoje já inundamos o Sul do Brasil com nossas abelhas polinizadoras da mensagem de Cristo. O mel do evangelho”, acrescenta a professora Denise Lopes, líder do Ministério da Mulher no Sul do Brasil.

Ao final, as participantes ganharam um arganel comemorativo e as adolescentes presentes foram investidas também com um lenço especial. “Todos aqui na União Sul Brasileira temos o foco de alcançar as novas gerações e o projeto MEL não ficaria de fora. Ao investirmos as adolescentes, estamos preparando a igreja para futuras líderes e discipuladoras. Para isso, fizemos um trabalho todo especial com uma metodologia própria para adolescentes e criamos um lenço bonito e um uniforme em forma de vestido polo”, explica a professora Denise.

Entre as adolescentes investidas estava Jaqueline, que pretende alcançar sua mãe, hoje afastada dos caminhos de Deus. “Eu dou graças a Deus por ter conhecido a dona Maria, uma mulher envolvida no MEL. Se não fosse por ela eu não estaria aqui hoje, perto de Cristo”, conclui Jaqueline, emocionada.