Notícias Adventistas

Pastori capacita pastores para liderarem as novas gerações

O acampamento teve ênfase nas novas gerações, incentivando os pastores a cuidarem e instruírem crianças e jovens

Por Larissa Astéria 8 de outubro de 2021

Líderes e pastores da Associação Bahia Central no Pastori 2021. (Foto: Jonny Lucas)

O evento

De 03 a 07 de outubro de 2021, foi realizado o Pastori na cidade de Serra Grande, no litoral sul da Bahia. Um encontro que foi marcado pela espiritualidade, pelo foco nas novas gerações e pelo fortalecimento dos relacionamentos. Como o próprio nome sugere, Pastori é um acampamento de pastores adventistas que busca treinar, capacitar e motivar os ministros para que apoiem e fortaleçam as atividades do Clube de Desbravadores, Clube de AventureirosJovens.

Pastores e líderes da Associação Bahia Central. (Foto: Jonny Lucas)

Entre departamentais e distritais, mais de 40 pastores da Associação Bahia Central (ABaC), participaram desse momento de atividades ao ar livre envolvendo aventuras, aprendizagem e adrenalina. Além disso, eles também participaram de devocionais e momentos inspiradores, adquirindo conhecimentos técnicos, práticos e troca de experiências.

Programação

Investidura em líder de aventureiros. (Foto: Jonny Lucas)

Na cerimônia de abertura, a investidura de novos líderes de aventureiros e jovens marcou a noite tornando-a memorável. Louvores especiais marcaram o primeiro momento da noite, onde pastores, administradores e líderes de departamentos começaram a celebração agradecendo a Deus pela oportunidade desse reencontro todo especial.

Em todos os devocionais, foram proferidas citações do Espírito de Profecia, que ressaltam o compromisso com a obra de Deus, alertas importantes sobre o perigo que enfrentamos no mundo, e trechos que direcionam à fidelidade e ao compromisso com a igreja e com a família.

O pastor Demóstenes fazendo a reflexão bíblica sobre o Espírito Santo. (Foto: Jonny Lucas)

O capelão desse Pastori foi o pastor Demóstenes Neves, que apresentou a importância do Espírito Santo, o quanto precisamos buscar diariamente o batismo dEle e o significado da Sua presença na vida de todos os que O buscam.

“Sem o Espírito Santo somos como um corpo sem respiração, ele morre. Assim como Deus soprou o fôlego de vida para que o homem fosse alma vivente, Jesus sopra simbolicamente o Espírito Santo que desce do céu, substitui Jesus e dá vida a igreja. Se a gente sente amor por alguém, solidariedade, esperança, fé, gratidão, todos os bons sentimentos, os bons pensamentos, os bons planos, as boas experiências que são puras e elevadas, isso é a operação do Espírito Santo em nossa vida. Me sinto extremamente feliz por ter compartilhado tantos aspectos importantes com esse time de pastores”, afirmou.

Durante a programação, houve a celebração dos batismos que foram realizados na Primavera, momento pelo qual os administradores e departamentais aproveitaram para agradecer por todo envolvimento, compromisso, e resultados alcançados nesse ano.

Mais de 1.100 pessoas foram batizadas, esse é um trabalho que une pastores e líderes no cumprimento da missão. Evangelismos, classes bíblicas presenciais e on-line, semanas de oração e caravana da esperança, foram algumas das mais diversas atividades que foram realizadas para que muitas pessoas pudessem conhecer a Jesus e decidir servi-lo.

Na sequência, os administradores e departamentais apresentaram seus relatórios, destacando os resultados alcançados, lançando os novos projetos e impulsionando-os para as realizações em 2022.

Grupo de pastores praticando o esporte radical conhecido como rafting. (Foto: Jonny Lucas)

Dirigida pelo departamento de jovens e aventureiros, a programação foi organizada para que os participantes cumprissem alguns requisitos e assim, pudessem receber insígnias das especialidades cumpridas. Também foram realizados esportes radicais como rafting e etc.

O pastor Orleando Júnior apresentando conteúdos voltados para a área de Aventureiros. (Foto: Jonny Lucas)

O pastor Orleando Júnior, líder de aventureiros da Associação Bahia Central, destaca a importância do evento. “Foi uma alegria muito grande realizar este Pastori com essa ênfase, afinal, as novas gerações já são os presentes das igrejas, os jovens já cuidam da igreja e os aventureiros estão sendo preparados para também serem grandes líderes”, destacou.

O pastor Eduardo Ibrahim apresentando conteúdos voltados para a área de Jovens. (Foto: Jonny Lucas)

O líder de jovens da Associação Bahia Central, pastor Eduardo Ibrahim, enfatiza a essência do Pastori para o ministério. “Viver um momento como esse, focado nas novas gerações, incentiva os pastores a entenderem que nós temos um grupo especial na igreja com bastantes desafios, e que precisa da nossa ajuda. Nós temos o desafio de cuidar e amparar para que os nossos jovens possam ir para o céu junto conosco. Os nossos pastores puderam entender que as novas gerações também estão dentro da casa deles e, antes de cuidar dos jovens da igreja, eles precisam cuidar dos que moram dentro de casa”, enfatizou.

Desafio missionário

Líderes e pastores com as bandeiras Missão Calebe, reafirmam o compromisso para a próxima missão em 2022. (Foto: Jonny Lucas)

Vários projetos missionários foram lançados, entre eles, a Missão Calebe 2022. Todos os anos, jovens e desbravadores dedicam suas férias para compartilhar a esperança em diversos lugares do nosso território e, no ano que vem, não será diferente. A expectativa para a Missão Calebe 2022 é:  5.000 jovens, 3.000 desbravadores, 336 equipes e mais de 1.300 batismos.

Para o pastor James Luciano, líder de Evangelismo da Associação Bahia Central, as expectativas serão alcançadas através da atuação do Espírito Santo na vida de todos que estiverem envolvidos na missão.

“Nós vamos usar todas as frentes missionárias da nossa igreja, principalmente os evangelistas voluntários. Iremos unir forças para que possamos alcançar muitas pessoas pela graça de Deus. Os administradores e líderes de departamentos da ABaC estarão divididos em 4 equipes para atender as 8 regiões do nosso campo através da Caravana Calebe. Será um bênção, eu creio. Sei que esse trabalho será abençoado através do envolvimento de todos nessa missão. O Espírito Santo estará conosco na Missão Calebe 2022”, concluiu.

Após o lançamento da Missão Calebe, o pastor Weber e o pastor Leonardo realizaram o batismo do jovem Erisvaldo. (Foto: Jonny Lucas)

O pastor Weber abraça o jovem Erisvaldo dando as boas-vindas à família de Deus. (Foto: Jonny Lucas)

O momento foi encerrado com uma linda cerimônia batismal de um jovem que ao sair das águas, assumiu o compromisso de participar dessa missão e ensinar a palavra para que mais pessoas possam tomar a decisão de entregarem a vida a Jesus.

Para o pastor Weber Thomas, presidente da Associação Bahia Central, o objetivo do ministério é ver pastores focados em buscar e salvar pessoas para o Reino de Deus.

“Ver os pastores motivados e com os olhos brilhando, preenche o nosso coração de alegria e certeza que Deus está operando. A nossa maior motivação é ver cada um desses pastores tendo foco definido pela motivação correta. E assim a missão é cumprida, pois o Espírito Santo está atuando, agindo e realizando a obra, nós somos apenas ferramentas”, enfatizou.

Encerramento

Fogueira acesa na beira da praia do Sargi, em Serra Grande (BA). (Foto: Jonny Lucas)

O encerramento do Pastori foi realizado na beira da Praia do Sargi, em Serra Grande (BA). Um momento inesquecível para todos os pastores. Ao redor de uma fogueira que simbolizava o fogo do conselho, pastores se emocionaram e refletiram sobre o quanto é fundamental que o ministério pastoral inicie e se fortaleça primeiro dentro de casa. Ali reunidos, eles meditaram  e lembraram da família. Uns são pais, outros são filhos, todos são esposos e, aproveitaram para interceder pelas famílias, rogando a Deus por bênçãos e reafirmando o desejo de se comprometer com a salvação delas.

Para o pastor Luiz Carlos, esse foi um momento renovador. “Sei que Deus me cobrará especialmente por uma igreja composta por três pessoas: minha esposa e meus dois filhos. Quando participei do momento do Fogo do Conselho eu me emocionei ouvindo as histórias e as reflexões que foram feitas. Enquanto estava ali no escuro, somente com a luz da fogueira, eu lembrei da minha família, senti muita saudade e vieram muitas lágrimas aos meus olhos. Esse momento foi renovador para o meu ministério e para o meu sacerdócio como pai de família. Vou levar esse momento para o resto da minha vida”, destacou.

O pastor Jeferson Carvalho, que também participou desse momento, relatou a sua emoção. “Foi muito edificante o momento do Fogo do Conselho. Eu tive a oportunidade de meditar e também ler uma carta da minha família, com palavras maravilhosas. Aproveitamos também para reafirmar o nosso compromisso com Deus de sermos luzes dentro da nossa casa, para nossas famílias e para nossas igrejas. Sem dúvidas, já ficou saudades desse momento”, afirmou.

Como parte da cerimônia, foram espalhadas diversas cartas e foto da família na areia, e a missão deles era procurar a que havia seu nome e sua luz, que foi representada simbolicamente por uma vela decorativa. Eles começaram a procurar e a medida que achavam, começavam a ler a carta, se emocionavam e relembravam os momentos vividos a partir da fotografia.

O pastor Jeiglion Pereira também comentou sobre a cerimônia. “Eu sou desbravador desde os 10 anos de idade e o Fogo do Conselho sempre foi muito significativo na minha vida, ao tomar decisões, fazer reflexões e agradecimentos. Eu fui surpreendido com as cartas dos meus filhos, fiquei muito emocionado. Foi um momento único, pois pensei bastante na minha família, tanto na responsabilidade, como no privilégio que Deus me concedeu. Ali eu tomei a decisão de cuidar ainda mais dos meus filhos, da minha esposa e de todos aqueles que o Senhor me confiou”, comentou.

Administradores e departamentais colocaram as luzes na árvore, simbolizadas por velas decorativas. (Foto: Jonny Lucas)

Após esse momento, o pastor Weber Thomas, presidente da Associação Bahia Central, fez um apelo aos pastores para que eles pudessem permitir que a luz de Jesus brilhasse cada vez mais nas ações, na vida pessoal e no ministério pastoral. “Talvez você pense que a sua luz é pequena, mas partilhe-a com o mundo, e Cristo a fará iluminar poderosamente,” concluiu. Ao final, todos se comprometeram com a missão de ser luz onde quer que estejam.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox