Notícias Adventistas

I Congresso de homens e mulheres é realizado no Pará e Amapá

O evento contou com mais de 1800 participantes e teve como ponto alto o lançamento oficial do Ministério do Homem

5 de maio de 2018

Por Juliana Lima, Ananindeua-PA

CongressoHM

Congresso HM motiva o total envolvimento dos membros. Foto: Leonardo Leite

“Ide por todo mundo e pregai o evangelho a toda a criatura”, a orientação de Deus no livro de Marcos foi o chamado que motivou as 1800 pessoas participantes do Congresso de Homens e Mulheres, realizado pela Missão Pará Amapá (MPA), no último dia 5 de maio. O evento teve como tema “Meu Talento, Meu Ministério” e aconteceu no Centro Adventista de Treinamento e Recreação (CATRE), em Ananindeua.

Na ocasião foi lançado oficialmente o Ministério do Homem, com a investidura do Homem de Poder. Segundo o pastor Moisés Batista, a iniciativa visa a consagração dos membros da igreja para a pregação do evangelho.

CongressoHM1

Sérgio já atua no ministério dos homens há alguns anos, e agora foi oficialmente investido. Foto: Kayo Farias

Para chegar ao evento, teve gente que veio de longe. Sérgio veio de Oeiras do Pará, há 700 quilômetros de Belém. Na comunidade em que vive, o Ministério do Homem já existe há 2 anos e tem transformado vidas. Sérgio conta que por trabalhar com informática decidiu oferecer aulas gratuitas à sociedade, com o intuito de usar a oportunidade para também pregar a palavra de Deus. Exemplos como o dele se multiplicaram, e hoje cerca de 15 pessoas já se batizaram e uma nova igreja adventista está sendo construída na cidade.

Porém, os milagres não param por aí. A importância do papel da mulher no avanço da palavra de Deus também foi destacada como essencial, visando esse reconhecimento houve a investidura do “Mulher + Forte”. “Esse momento foi de extrema relevância, porque o Mulher + Forte visa aprofundar o relacionamento e missão das mulheres com Deus, segundo Elma Souza.

Exemplos de mulheres fortes não faltavam na investidura. Miriã é uma delas, que decidiu sair da zona de conforto e pregar a palavra de Deus à todos os lugares onde Deus a mandasse. Ela pregou para drogados, em lugares violentos e foi um instrumento que levou ao batismo 20 pessoas. Mas, a maior de todas as transformações, ela viu acontecer dentro de casa. A filha de Miriã estava longe dos caminhos de Deus e, só por ver o exemplo da mãe, se rebatizou. Hoje também é uma missionária.

O congresso finalizou com a certeza de que Deus pode usar cada um, homens e mulheres, de maneira individual e coletiva, com o intuito de salvar aqueles a quem a palavra for pregada, mas também, através do serviço salvar ao próprio pregador.

Confira as fotos:

Confira as fotos do Congresso Homens e Mulheres MPA 2018

Posted by Adventistas Pará Amapá on Saturday, May 5, 2018

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox