Notícias Adventistas

Fernanda troca trabalho de nove anos pela guarda do sábado e se batiza

O seu batismo aconteceu na Igreja Central de Piracicaba no Evangelismo da Semana da Santa

Por Eber Pola 15 de abril de 2021

Fernanda foi batizada pelo pastor Adevaldo Cardoso na Igreja  Adv. Central de Piracicaba

Há nove anos Fernanda Silvestre Fernandes trabalha em uma floricultura na cidade Piracicaba. Ali ela desenvolveu várias funções e atendimento ao cliente. Em um certo dia entrou na loja a Cristina e lhe ofereceu uma literatura da igreja adventista do sétimo dia. E foi assim que começou uma nova amizade entre elas e o interesse de estudar a Bíblia. Apesar de Silvestre ser de outra denominação religiosa, o estudo profundo da Palavra de Deus foi algo revelador.

Ela conta que muito coisa que aprendeu no estudo da Bíblia era novidade. Entre muitos temas bíblicos – ministrados pelo obreiro bíblico Luiz Gustavo – os Dez Mandamentos, principalmente a guarda do sábado, abriram a sua mente. “Quando a gente entendi a ordem de Jesus nos Mandamentos é o momento de obedecer e respeitar o que foi revelado”, diz. O seu batismo aconteceu no Sábado da Compaixão, dia 3.

Um ato de fé

Com muita alegria no seu coração, após o batismo, a sua crença em guardar o sábado se tornou ponto de discórdia entre ela e a patroa. A situação ficou insuportável e Fernanda teve que fazer um acordo para ser mandada embora do emprego, após 9 anos de serviço. Mesmo com a pandemia, o alto índice de desemprego e críticas do marido, ela não hesitou em se demitir e escolher segue os Mandamentos.

Ela entendeu que vivemos em uma época que as profecias estão se cumprindo e não há mais tempo para ficar pensando. “O que me motiva é a promessa na Bíblia que diz que devemos colocar Deus em primeiro lugar e que as outras coisas serão acrescentadas. Não me arrependo da minha decisão pois Deus me deu a paz e a segurança que antes eu não tenha”, concluiu.

Transmissão do Evangelismo na Igreja Central de Indaiatuba com o Pr.Péricles Barbosa

Vidas transformadas

A igreja não para e continua levando pessoas aos pés de Jesus em diferentes situações

Durante o Evangelismo da Semana Santa, cerca de 80 pessoas foram batizadas; somando 134 pontos de pregação no formato on-line. Com as restrições do governo para combater a transmissão da Covid-19, a igreja teve que se adaptar e novas estratégias foram implantadas para alcançar as pessoas. Com o envolvimento dos pastores e membros nos cultos e séries virtuais, cresceu o número de interessados. Só no período da Semana Santa, foram 788 pessoas que decidiram estudar a Bíblia.

Segundo o pastor Genival Novaes, líder do Ministério Pessoal da Igreja Adventista na região sudoeste paulista, a igreja vive um novo normal e que, de certa forma, o trabalho missionário se tornou mais dinâmico e cheio de desafios. “Os pastores tomaram a iniciativa de produzir novas séries e conteúdo no ambiente virtual. Os Pequenos Grupos on-line facilitaram a inclusão de novos interessados no estudo da Bíblia, com o apoio dos membros. O virtual hoje é mais um caminho para levar o amor de Jesus para as pessoas”, destaca Novaes.

O pastor Jabis Peixoto é distrital na cidade Salto. As suas cinco igrejas na região, acompanharam a transmissão do programa da Semana Santa – Restaurados em Cristo, transmitida diretamente da Igreja Central de Indaiatuba. “A transmissão alcançou mais de três mil pessoas aqui na nossa região. Sete pessoas da mesma família se decidiram pelo estudo da Bíblia”, ressalta Peixoto.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox