Notícias Adventistas

Equipes Distritais de Mordomia Cristã participam de simpósio

A compreensão do conceito de Mordomia Cristã, para muitos, ainda está ligada ao aspecto financeiro. No entanto, compreender seu verdadeiro sentido é fundamental para que o indivíduo tenha uma vida de completa adoração a Deus. Uma das estratégias idealizadas pela Igreja Adventista do Sétimo Dia é formação de Equipes Distritais de Mordomia Cristã (EDMC), que atuam em parceria com o pastor distrital para apresentarem à igreja a compreensão correta do tema, a fim de ajudarem aos membros a terem uma vida de adoração a Deus em todos os seus aspectos.

12 de julho de 2018

Pastores e membros das Equipes Distritais de Mordomia Cristã participam do Simpósio Raízes | Foto: Liziane Possmoser

Por Marcely Seixas

O frio do inverno de Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro, não foi empecilho para que mais de 600 pessoas participassem do Simpósio Raízes, promovido pelo Departamento de Mordomia Cristã da União Sudeste Brasileira (USeB), em parceria com as Associações Rio Fluminense (ARF), Rio de Janeiro (ARJ) e Rio Sul (ARS). O evento aconteceu no Instituto Petropolitano Adventista de Ensino (Ipae), no último sábado, 7, e teve como objetivo treinar as Equipes Distritais de Mordomia Cristã (EDMC). O evento teve a participação dos pastores Marcos Bonfim e Herbert Boger, diretores de Mordomia Cristã da Conferência Geral e da Divião Sul Americana, respectivamente.

Pastor Paulo Leitão Junior (ao centro), com a EDMC do distrito de Manilha | Foto: Liziane Possmoser

A EDMC é formada por membros leigos, que, sob a coordenação do pastor local, atuam a fim de promover a espiritualidade na igreja. É responsabilidade da equipe realizar, mensalmente, um programa especial em uma congregação do distrito, além de fazer visitações e planejar congressos distritais.

De acordo com o diretor de Mordomia Cristã da USeB, pastor Eduardo Ascêncio, a implantação das EDMCs nos distritos é uma meta para os estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo.

Pastor Eduardo Ascêncio, líder de Mordomia Cristã da USeB | Foto: Liziane Possmoser

“Esse é um projeto que tem muita força no Nordeste e que estamos implantando em nossa região. Por isso estamos felizes com a realização do Simpósio Raízes nesse fim de semana, em parceria com as associações do Rio de Janeiro, e o plano é que também seja realizado nos demais estados”, explicou.

Ainda segundo Ascêncio, esse é um projeto que propicia o membro a falar sobre a fidelidade para a igreja. “Quando um membro fala, pode atingir pessoas de modo mais eficiente”, completou.

Pastor Marcos Bomfim, líder mundial de Mordomia Cristã da Igreja Adventista do Sétimo Dia | Foto: Liziane Possmoser

Convidado especial no evento, o líder mundial de Mordomia Cristã, pastor Marcos Bomfim, reforçou a importância de que cada membro, desde a liderança até os leigos, invista no relacionamento pessoal com Deus.

“A primeira expectativa que temos é que ocorram mudanças na vida das pessoas. O que Deus espera de cada um de nós é que trabalhemos para o Senhor e não para a igreja. Os materiais apresentados são acessórios. A primeira coisa que temos que ter em mente é que devemos viver para o Senhor”, disse Bomfim.

O líder de Mordomia Cristã para os países da América do Sul, pastor Herbert Boger Junior, foi um dos palestrantes do evento | Foto: Liziane Possmoser

O líder de Mordomia Cristã para a América do Sul, pastor Herbert Boger Junior, ressalta a importância do trabalho das EDMCs, composta por pessoas escolhidas pelo pastor distrital com potencial influenciador em suas comunidades.

“Esse é um trabalho que começou hoje, com o simpósio, e vai durar meses. Não é um evento, mas uma atividade que vai mudar a vida dos líderes. O pastor passará a ter um apoio a mais em seu ministério. E a consequência natural é o avanço espiritual da igreja, amarrando a vida dos membros como mordomos de Deus”, avaliou.

A iniciativa da realização do simpósio partiu da Associação Rio Fluminense, que compartilhou a oportunidade com as associações vizinhas e recebeu o apoio da USeB, que passou a coordenar o evento.

Administradores e departamentais de Mordomia Cristã durante o Simpósio Raízes | Foto: Marcely Seixas

Segundo o presidente da ARF, pastor Geovane Souza, quando planejou a realização do Simpósio, o objetivo foi preparar a equipe distrital de mordomia, dando a ela ferramentas e materiais, para que, coordenada pelo pastor, trabalhe em cada igreja a fim de contribuir para que a igreja cumpra a sua missão.

“Esse foi um projeto que surgiu com a proposta de dar uma nova dinâmica à igreja. A EDMC vai nos ajudar grandemente, conscientizando a igreja do seu verdadeiro papel. Muitas vezes as pessoas não têm consciência da responsabilidade de usar seu tempo, seus talentos e seus recursos para a pregação do Evangelho e abreviar a volta de Jesus, ou até mesmo não sabem como desenvolver a mordomia de forma correta, e é isso que essa equipe fará”, disse o pastor Geovane Souza, presidente da ARF.

Pastor Robson Menezes e Luiz Claudio, membro da EDMC do distrito de Casimiro de Abreu | Foto: Liziane Possmoser

Ao fazer visitas nas igrejas da ARF, o pastor Robson Menezes, líder de Mordomia Cristã do campo, diagnosticou a deficiência na compreensão do tema em boa parte das congregações. Buscando materiais que pudessem dar suporte aos membros a esse respeito, ele conheceu o Simpósio Raízes, realizado na União Central Brasileira (UCB), em Brasília, DF.

“É um material que vai exatamente no ponto da compreensão correta do assunto. Com a entrada do pecado, deixamos de entender nosso papel de mordomos e começamos a achar que somos donos. Quando pregava nas igrejas, apresentando a base da Mordomia, muitos, ao final dos cultos, demonstravam até surpresa, falando que passaram a compreender melhor o tema. Mordomia Cristã é mais do que entrega de recursos, é a entrega total da vida do Cristão a Deus”, revelou.

O pastor Anderson Coelho estuda o material oferecido no simpósio na companhia dos membros da EDMC do distrito Central de Campos dos Goytacazes | Foto: Liziane Possmoser

“Mordomia Cristã nos ajuda a compreender a origem e o sentido da vida. De onde viemos e para onde estamos indo. Não somos frutos do acaso, temos um Deus que é o nosso criador, mantenedor e redentor”, acrescentou Menezes.

Pastor no distrito de Cidade Beira Mar, em Rio das Ostras, na Região dos Lagos, Iuri Trindade ficou entusiasmado com o conteúdo apresentado durante o simpósio.

“Os seminários abordaram de maneira profunda as bases espirituais da Mordomia, além de proporcionar às EDMCs diretrizes práticas para a realização do trabalho nas igrejas locais. Os membros voltaram motivados, seguros sobre como realizar seu trabalho, além de reavivados na sua experiência pessoal com Deus através da Mordomia. Como pastor distrital, minha expectativa é que esse mesmo espírito de fidelidade, entrega e reavivamento seja multiplicado em todo distrito através das Equipes de Mordomia”, relatou.

 

Pastores das Associações Rio Fluminense, Rio de Janeiro e Rio Sul | Foto: Marcely Seixas

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox