Notícias Adventistas

Cerca de 2 mil crianças participam de Aventuri no Amazonas

14601064_1251086764941431_352056000994915432_n

Mais de 2 mil pessoas compareceram ao 6º Aventuri da AAmaR, entre crianças, pais e diretoria dos clubes.

Rio Preto da Eva, AM… [ASN] No ultimo sábado e domingo últimos, 29 e 30 de outubro, aconteceu o 6º Aventuri da Associação Amazonas Roraima (AAmaR). Esse evento é voltado para o clube de Aventureiros da Igreja Adventista, crianças na faixa etária de 6 a 9 anos. O 6º Aventuri da AAmaR reuniu 61 clubes e contou com a presença de mais de 2 mil pessoas, juntando crianças, pais e coordenadores dos clubes. O tema escolhido para essa programação foi “Josias, o pequeno rei”, o qual, segundo o líder de aventureiros para os estados do Amazonas e Roraima, pastor Ormeu Lima, foi uma forma de mostrar para as crianças que “se elas tiverem Jesus em primeiro lugar na vida delas, mesmo com essa faixa etária, elas ser reis e rainhas nas mãos do Senhor”, acrescenta.

Diferentemente de um evento para desbravadores (Campori), ou para jovens (AcampJA), o Aventuri tem diferenciais para alcançar o objetivo que é levar os pequenos aventureiros para mais perto de Deus. Um quesito que torna claro o diferencial entre os eventos são as atividades proporcionadas na programação. O evento deve ter uma dinâmica e temática totalmente diferente para fazer as crianças participarem completamente.

14900535_1251087411608033_2569733924436710739_n

Momento de batismo das crianças no Aventuri.

O pastor Lima relatou que o fato de ser o primeiro evento desse porte realizado em seus dois anos de trabalho com os aventureiros, o receio foi algo constante nos dias que antecederam o evento. Em contra-partida, a dependência e confiança em Deus lhe proporcionaram o necessário para fazer o evento acontecer. “Desde a abertura, esse Aventuri tem superado em muito minhas expectativas. Minha maior alegria é ver o sorriso nos lábios dessa crianças e o contentamento dos pais”, afirma

Para Alexandra Figueiredo, tudo nesse Aventuri foi novidade. Alexandra não é Adventista do Sétimo Dia e participou do Aventuri pela primeira vez com seu filho Samuel, de 7 anos. Segundo ela, o trabalho realizado pelo clube de Aventureiros ter feito toda diferença na vida do pequeno Samuel. “Ele ficou mais espiritual, cada dia mais voltado à Deus”, afirma. Por outro lado, Heilla Lemos é Adventista e participa da liderança do clube de aventureiros. Heilla está em seu segundo Aventuri, e nesta 6º edição levou sua pequena Fernanda de 5 anos. Ela acredita que inserir as crianças desde cedo no clube de aventureiros ajuda a “criar uma base espiritual forte, e vai motivando cada vez mais para que ela cresça e permaneça”, acrescenta. [Equipe ASN, Fabrício Gomes]

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox