Notícias Adventistas

Concílio da família ministerial enfatiza o culto doméstico

O encontro objetiva celebrar as conquistas do ano e promover a integração entre os pastores e as demais famílias pastorais.

Por Simone Joe 11 de dezembro de 2018

O lema da igreja no sul do Maranhão em 2019 será “Ser Igreja Todo Dia em Família”.

“Ser Igreja Todo Dia em Família” é o lema da Igreja Adventista no sul do Maranhão para 2019. Assim sendo, toda as palestras, sermões bem como a programação do Concílio da Família Ministerial, que ocorreu em Imperatriz nos dias 10 e 11 de dezembro de 2018, foram voltadas para essa temática.

Leia também:

Esse encontro acontece no mês de dezembro, objetivando celebrar as conquistas do ano e promover a integração entre os pastores e as demais famílias. A fim de envolver todos os membros, o programa ofereceu atividades para as crianças e os adolescentes, que foi desde brincadeiras guiadas a bate-papo com o psicólogo da rede Adventista de Educação, Eduardo Araújo.

Houve atividades para os casais e para os filhos por faixa etária.

O culto familiar foi encenado e teve sua importância reafirmada. Sobre isso o pastor Raíldes Nascimento enfatiza que “A sua casa, onde você está inserido é onde o Diabo quer atacar. Por isso gaste tempo com Deus. Somos Ministros do Rei do universo” frisa o líder da área Ministerial para os estados do Pará, Amapá e Maranhão (UNB).

Para o pastor Francisco Glauberto Borges, é primordial lembrar que o ministério começa em casa: “De fato a vida pastoral tem um ministério no lar. Tem que ser bem trabalhada a comunhão, ter um bom relacionamento para que se possa cumprir a missão”, afirma.

Sobre o encontro, Naftali Guerra diz que dessa vez foi muito mais especial: “A celebração do encerramento foi muito bacana. Tudo que vimos nos fez lembrar quão importante é a família e isso foi muito marcante” avaliou o pastor que assumirá o distrito de Porto Franco em 2019.

Um dos palestrantes convidados, Dr. Elias Nascimento, contribuiu de forma enfática sobre a importância do exemplo que os pais devem dar aos filhos, sobretudo a comunhão com Deus: “Erramos ao tratar o estudo da Bíblia como os assuntos acadêmicos. Não pergunte: Filho, você já estudou a Bíblia hoje? Comunhão com Deus é exemplo, é muito mais que isso”, alertou o médico que atua como ginecologista, obstetra e mastologista em Belém, no Pará.

Ainda durante o concílio, o pastor Márcio José de Macedo Araújo, foi ordenado ao sagrado ministério. Araújo e sua família serviram à igreja nessa região por três anos e estão deixando o Brasil para atuar no Paraguai a partir de 2019.

Confira o registro de alguns momentos:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox