Notícias Adventistas

Com o foco na inclusão social, atividades mudam rotina de estudantes

Os alunos também arrecadaram alimentos e donativos para uma instituição de caridade.

23 de fevereiro de 2017

Orientações sobre inclusão social foram passadas durante dos eventos.

Duque de Caxias, RJ… [ASN] Uma semana de atividades sociais fora da sala de aula. Essa foi a diferente rotina vivenciada pelos alunos do Colégio Adventista de Duque de Caxias (CADC), na Baixada Fluminense, na última semana. Desde segunda feira, 20, os alunos do ensino fundamental e médio se reuniram no intervalo das aulas para as atividades da Semana da Cortesia. Um projeto que teve como objetivo conscientizá-los sobre a importância de colocar as boas maneiras em prática e estar sempre disposto a ajudar o próximo.

Já na segunda-feira os estudantes participaram de uma atividade sobre respeito ao próximo. “Apresentamos a peça ‘O Reino dos Diferentes’ que falou sobre a importância de receber e aceitar as diferenças do outro ao invés de tentar mudá-los a nossa forma. Falamos também sobre respeito, gentileza e amor pelas pessoas que devem ser feitos todos os dias, não somente nessa semana”, explica Thamyres Sobral, coordenadora do CADC.

Na terça-feira e na quarta, a atenção o projeto foi direcionada aos colaboradores da instituição. As turmas foram divididas em grupos que fizeram atividades homenagens funcionários responsáveis pelos serviços gerais. Eles também demonstraram gratidão pelo trabalho dos professores, da equipe de secretaria e dos monitores.

O auditório ficou cheio todos os dias.

Um dos requisitos da Semana da Cortesia é a arrecadação de donativos. Segundo Tamyres o objetivo é que eles sejam doados ao centro municipal de assistência, responsável assistir crianças especiais carentes. Uma unidade responsável por cuidar de dezenas de crianças especiais na cidade. Essa arrecadação já se iniciou durante a peça apresentada na segunda feira. “Um dos nossos objetivos é trocar o fogão do Centro. O que eles atualmente usam está num estado muito precário e nós estamos arrecadando dinheiro para comprar um fogão industrial, que será mais últil para suprir as necessidades dele”, ressalta.

Enfatizando também o tema da solidariedade e da inclusão social, os alunos fizeram uma apresentação teatral que contou com a participação de uma aluna especial. A coordenadora explica que foi dessa mesma turma que partiu a iniciativa de ajudar outras crianças que também são especiais. “Foi dessa turma que nasceu a ideia de prestar auxílio a Associação Brasileira de Assistência a Carentes Especiais (ABCE), que funciona aqui próximo ao CADC. Após isso, nós estivemos lá nesse centro e constatamos as maiores necessidades deles”, detalha a coordenadora. [Equipe ASN, Douglas Pessoa]

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox