Notícias Adventistas

Cidades do oeste paulista denunciam a violência com passeatas

Adventistas distribuíram 500 mil folhetos e 24 mil revistas da campanha Quebrando o Silêncio.

25 de agosto de 2014

São José do Rio Preto, SP… [ASN] As palavras Quebrando o Silêncio estavam estampadas nas faixas das passeatas ou carreatas. A ideia do projeto com esse nome é denunciar a violência e anunciar a paz. Para isso, só no oeste paulista foram distribuídos 50 mil folhetos e 24 mil revistas em diversas cidades da região. Em Presidente Epitácio, o movimento chamou atenção da cidade com a entrega de duas mil revistas e cinco mil folhetos durante uma passeata na região. Os Clubes de Desbravadores e duas fanfarras também participaram da ação. Além da passeata, os participantes também promoveram palestras em escolas sobre o tema violência e turismo sexual.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em Castilho, a passeata foi realizada no centro da cidade. Após a ação, os membros da Igreja Adventista na região e vereadores da cidade assistiram uma palestra sobre o tema. Em Sabino, cidade próximo a Lins, os desbravadores da região se uniram na campanha para anunciar a paz. Em Promissão, Franca e Teodoro Sampaio, as cidades ficaram impressionadas ao verem o empenho da Igreja Adventista na campanha.

Leia também:

Em Barretos, a distribuição coincidiu com a tradicional festa do peão da cidade. Os membros aproveitaram a movimentação na região para entregar o material explicativo. Em apenas meia hora foram cerca de sete mil panfletos entregues.

Em Junqueirópolis a ação foi centralizada com palestras em uma escola pública. A iniciativa teve a parceria com a polícia militar. “Tanto os sargentos quanto a coordenação da escola ficaram admirados com a qualidade e iniciativa do projeto. Já querem que no ano que vem o projeto seja mais amplo”, destaca o pastor na região, Marcos Tonus. [Equipe ASN, Suellen Timm]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox