Notícias Adventistas

Capacitação reforça áreas de filantropia e departamento pessoal

4 de setembro de 2014
Neste ano as áreas de filantropia e departamento pessoal foram as ênfases principais do encontro.

Neste ano as áreas de filantropia e departamento pessoal foram as ênfases principais do encontro.

Manaus, AM…[ASN] Nesta terça-feira, 02, iniciou o treinamento com toda a parte de tesouraria, departamento pessoal, assistência social, contábil, jurídico e auditoria que pertencem as instituições da Igreja Adventista do Sétimo Dia da região noroeste do país. Neste ano a capacitação teve como foco as áreas de filantropia e departamento pessoal.

De acordo com o administrador financeiro geral da região noroeste, pastor Celso Santos, esse tipo de treinamento mais intensivo é realizado anualmente. A capacitação tem por objetivo o crescimento de cada profissional em sua respectiva função. “Como esse ano houve algumas mudanças na área de filantropia para 2015, se faz necessário o treinamento e o alinhamento de cada setor”, pontua.

Durante os três dias de encontro vários tópicos foram discutidos através das palestras e reuniões em grupos. Na oportunidade o diretor jurídico assistente para os oito países da América do Sul, Vanderlei Vianna reforçou para os gestores da Rede de Educação Adventista sobre os novos critérios do MEC referente as concessões e gratuidade dos alunos carentes. “A educação adventista é a segunda maior rede filantrópica do Brasil, são cerca de 220 mil alunos, por isso se faz necessário frisar sobre as novas legislações”, complementa.

Vianna ainda explicou no encontro sobre toda a parte legislativa decontabilidade do terceiro setor com aplicação nas instituições escolares e aos hospitais. “É importante em momentos como esse reforçar para os servidores sobre os procedimentos em relação a relatórios, prestação de contas e critérios de gratuidade”, explica.

O treinamento reuniu servidores das áreas da tesouraria, departamento pessoal, assistência social, auditoria, contábil e jurídico.

O treinamento reuniu servidores das áreas da tesouraria, departamento pessoal, assistência social, auditoria, contábil e jurídico.

Outro momento foi ministrado pelo contador e auditor do Terceiro Setor, Nilton Tiellet onde explanou sobre o processo de bolsas nas unidades escolares e sobre a nova legislação vigente. “O governo transformou a concessão de bolsas em um projeto de inclusão social e a rede de educação precisa seguir esse padrão”, afirma.

Tiellet ressaltou também sobre a Norma Brasileira de Contabilidade ITG 2002 resolução do Conselho Federal de Contabilidade que estabelece todos os aspectos da contribuição do terceiro setor. Foram expostos as normas, critérios e seus procedimentos específicos de avaliação. [Equipe ASN, Tatiane Virmes]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox