Notícias Adventistas

Eventos

Campori de Desbravadores da MTo será adiado

Em razão da crise do coronavírus III Campori da MTo acontecerá em 2021


  • Compartilhar:

Por razão da atual situação, que já foi classificada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma pandemia, causada pelo COVID-19 (Coronavírus), o território brasileiro já conta com 2.271 casos confirmados (24/03) e medidas têm sido tomadas pelo governo em âmbito federal, estadual e municipal.

Assim como todos os setores as atividades dos Desbravadores também sindo afetadas e deixam o departamento sem perspectivas segura para darem continuidade ao planejamento do III Campori da MTO “O Libertador”. Abaixo alguns dos principais fatores que influenciaram para a tomada de decisão:

• Fechamento das escolas por tempo indeterminado, o que impede as reuniões dos clubes de desbravadores;
• Decreto estadual que proibi toda ação social e pública, reduzindo a zero a possibilidade dos Desbravadores angariar fundos, somados ao crescente índice de desemprego;
• Choque da data do Campori com a Feira da Agrotins, que foi adiada para o segundo semestre e acontece no mesmo espaço que o Campori iria usar.

Levando em consideração esses fatores a Missão do Tocantins, sede administrativa da Igreja Adventista do Sétimo Dia no Tocantins, junto à liderança dos Desbravadores no estado, considera prudente adiar o III Campori de Desbravadores da MTo para o primeiro semestre de 2021.
A data do Campori da União também ainda está em aberto e irá se adaptar ao contexto dos Camporis das Associações/Missão.
Entretanto, é necessário que o planejamento financeiro e organização dos clubes permaneça sendo feito. A alteração na data também é uma oportunidade para que todos se prepararem e participem do Campori.

Atividades do clube

Para os clubes a orientação é que devem ser cumpridas as medidas preventivas propostas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), autoridades governamentais e Igreja Adventista do Sétimo Dia na América do Sul e que devem permanecer de quarentena até que as aulas retornem as suas atividades normais, protegendo assim a integridade física das pessoas envolvidas neste ministério.

A liderança de Desbravadores no Tocantins já está traçando estratégias a fim de minimizar os danos causados pelo surto do coronavírus aos clubes e para que permaneçam conectados diante do isolamento social.

Para mais informações  procurar o distrital, regional ou coordenador de Desbravadores da sua cidade.