Notícias Adventistas

Alunos de Escolas Adventistas espalham Esperança Viva pelas cidades

Alunos da educação adventista distribuem livros missionários de forma gratuita.

13 de maio de 2016
Alunos realizam ação de distribuição de livros no semáforo.

Alunos realizam ação de distribuição de livros no semáforo.

Ananindeua, PA… [ASN] O projeto Impacto Esperança, que tem como objetivo distribuir livros Esperança Viva acontecerá amanhã, dia 14 de maio, mas a educação adventista, no decorrer da semana, já deu o pontapé inicial realizando diversas ações.

Você já ouviu falar no “Caixa Esperança 24h”? Com o objetivo de atrair a atenção dos alunos e também participar do projeto, os alunos poderiam ir a um caixa similar aos de bancos e o sacar uma unidade do livro missionário.

Outra ação diferenciada foi realizada em um semáforo de trânsito, na avenida mais movimentada da região onde se localiza uma das escolas adventistas de Belém, onde os alunos seguravam placas com os dizeres “Quer um presente? Buzine!” e assim, aproximadamente 150 livros foram entregues aos motoristas, motociclistas e passageiros de ônibus que passaram pelo ponto de distribuição.

O inicio do mês de maio é sempre repleto de homenagens às mães, e os alunos das escolas adventistas que realizaram suas comemorações de dia das mães, aproveitaram a ocasião para também participar do projeto Impacto Esperança, levando-os a distribuir um livro a cada mãe presente ao final de suas homenagens, assim cada família pôde levar para sua casa um pouco mais da Esperança Viva.

Macapá

Na capital amapaense, os alunos do Colégio Adventista, juntamente com alguns pastores locais, visitaram diversas autoridades e órgãos públicos, entre eles o presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AP), Desembargador Carlos Tork, que foi presenteado com um livro e ressaltou que “a Justiça Eleitoral está de portas abertas para receber representantes de qualquer religião.” O Desembargador enfatizou que “o Brasil é um país laico e é fundamental o respeito das instituições com todos os grupos religiosos e suas crenças”. [Equipe ASN, Leonardo Leite]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox