Notícias Adventistas

Adventistas inauguram prédio de ministérios em Garopaba

Construção de 401 m² tem objetivo de apoiar as classes mais jovens e com isso fortalecer o crescimento da igreja

20 de dezembro de 2016

Prédio foi construído para atender as novas gerações

Garopaba, SC… [ASN] Há Igreja Adventista Central de Garopaba (SC) tem dado maior atenção para as novas gerações. Essa mudança começou em 2013 quando a igreja estava com dificuldades de crescimento. Como resultado a igreja cresceu de 50 para 130 adventistas ativos na congregação. Uma série de atitudes mudou essa realidade. Uma delas foi refletida neste domingo, 18 de dezembro com a inauguração de um prédio para os ministérios da igreja, em especial para as novas gerações. São 401m² de área construída para atender desde o rol do berço até os jovens da igreja. “Nós precisávamos de uma reforma da nave da igreja, mas optamos por atender primeiro as novas gerações”, explica o pastor Dyotagnan Maia, distrital.

“Normalmente quando se vai fazer uma reforma ou construir uma igreja, a maioria pensa na nave. E depois que terminam tudo, irão pensar no ambiente das crianças. Aqui em Garopaba foi diferente, demonstrando que as crianças são prioridade. Ao investirmos na criança, estamos investindo no futuro da nossa igreja”, ressalta o pastor José Santos, líder o Ministério da Família da União Sul Brasileira (USB). O prédio tinha quatro salas simples, sem estrutura adequada. Agora, depois da reforma, o prédio tem 11 salas, sendo oito para as classes infantis e outras três que servem como apoio, atendendo cerca de 100 participantes. “Quando a igreja começou esse novo processo nós tínhamos mais ou menos 10 crianças frequentavam a igreja. Hoje nós temos mais de 60 crianças, mais um grupo de 20 adolescentes e uns 20 jovens”, acrescenta o pastor Maia.

Esse prédio de ministérios começou a ser construído no início de 2016 e cada sala foi projetada para melhor atender os participantes. Desde as cores, os móveis, os tamanhos e os itens interativos foram projetados de maneira específica: “A sala dos pequeninhos puxa para o verdinho, algo que lembra o cuidado médico. Para as crianças de 3 à 6 anos a sala deles é amarela, devido aquela fase de explosão de energia. E assim vai mudando conforme a idade. Tudo foi selecionado para auxiliar eles a se comunicarem com Jesus”, comenta Camila Borges, professora do Jardim de Infância e diretora dos Aventureiros.

Crianças ficaram felizes com o novo espaço

Na oportunidade da inauguração estiveram presentes líderes da Igreja Adventista em Santa Catarina e no Sul do Brasil. “Os membros precisam pensar nas crianças se desejam ter uma igreja e líderes no futuro. Nós precisamos dar um espaço adequado e digno para aprendizagem delas a respeito de Jesus”, ressalta Solange Santos, líder do Ministério da Criança e do Adolescente – USB. “Visitando o prédio eu vi salas que tinham quatro adventistas e oito não adventistas. Os pais não querem vir, mas mandam os filhos. É questão de tempo para eles virem também. Esse prédio é um porta aberta para a entrada de novos membros da comunidade”, conclui o pastor José Santos. “Um exemplo disso é o nosso diretor associado dos desbravadores. Graças a insistência filhinha de cinco anos, ele começou a vir na igreja, gostou, foi batizado e hoje é da liderança dos desbravadores”, exemplifica Camila Borges.

Esse foco nas novas gerações é uma preocupação da sede administrativa da Igreja Adventista no centro sul de Santa Catarina (Associação Catarinense – AC): “O ambiente pode ser do mais simples ao mais sofisticado, o importante é que a criança receba o embasamento espiritual que ela precisa. Mas é lógico que uma estrutura como essa fará com que elas fiquem mais fortalecidas em Cristo”, ressalta a professora Simei Porfírio, líder do Ministério da Criança e do Adolescente – AC. “Nós temos incentivado as igrejas a começarem uma reforma pela base. Pela salinha das crianças, dos adolescentes e dos jovens. Este é o maior e melhor investimento que a igreja pode fazer, investir nas novas gerações”, acrescenta Luciano Sanches, Tesoureiro – AC. “Dar atenção para as novas gerações é algo que tem gerado crescimento da nossa igreja”, conclui o pastor Dyotagnan. [Equipe ASN – Daniel Gonçalves]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox