Notícias Adventistas

1º Campori de Jovens da ACP motiva participantes a se comprometerem com Cristo

Mais de 500 jovens participaram do evento no litoral do Paraná.

10 de junho de 2015
365A0763

Local das reuniões

Praia de Leste, PR…[ASN] O litoral do Paraná foi conquistado pela juventude adventista da Associação Central Paranaense (ACP) no último final de semana, de 5 a 7 de junho, com o Primeiro Campori de Jovens da região. Foram três dias e mais de 500 jovens reunidos para entender o que motiva os problemas do mundo e buscar uma vida cristã coerente.

O evento, que marcou a história do departamento jovem na ACP, teve como tema “Na Trincheira” e foi realizado na Associação Banestado, em Praia de Leste , tendo como orador oficial Elton Bravo, pastor na Igreja Adventista Central de Campinas, que falou aos jovens motivando-os a sair da zona de conforto e representar Jesus. “Jovens vocês precisam mostrar de que lado estão, se na trincheira de Cristo e de seu exército ou na trincheira do inimigo” disse.

Ainda na abertura do programa, o pastor Areli Barbosa falou aos participantes da cidade de Vitória-ES, ao vivo, e agradeceu os jovens pela disposição em trabalhar na missão levando o evangelho e o amor as pessoas, tanto no projeto G148 como na Missão Calebe.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O primeiro Fogo do Conselho do campori, realizado na sexta-feira, às margens da praia, contou com a presença da cantora Roberta Spitaletti, que surpreendeu os participantes com sua voz. Após uma encenação dos amigos de Daniel na fornalha ardente, o pastor Elton desafiou os jovens a mostrarem de que lado da trincheira eles estavam.

365A1527

Jovens passeando na praia

O Quarteto Communion realizou um concerto na tarde de sábado, cantando canções antigas e bem conhecidas dos presentes, mas também apresentou um novo repertório. O pastor Elmar Borges, líder de jovens para região sul do Brasil, também esteve no local e contou experiências sobre a Missão Calebe e o projeto G148, apelando para que a juventude participe desses projetos. “Estamos buscando jovens que queiram sair da trincheira e lutar por uma causa. Quem fica na trincheira, morre. Mas quem sai ganha a guerra” comentou Borges. Ele ainda falou que desejava que a trincheira fosse o campori, fazendo com que os jovens saíssem dali inspirados a “vencer em nome de Jesus”.

De acordo com o pastor Joni Roger, líder de jovens da ACP, o evento foi um sucesso. “Tudo o que aconteceu aqui colaborou para que o campori fosse uma benção, desde o tempo, pois não estava frio, até as mensagens, a programação, tudo foi preparado com carinho para que nossos jovens saíssem daqui certos de que podem vencer essa guerra”, destacou Roger.

365A1531

Juventude preparada para levar esperança

O grupo de encenações Perspectivas, de Santa Catarina, realizou diversas interpretações que prenderam a atenção da plateia, levando todos à reflexão e tomada de decisão, como foi o caso da jovem Priscila Pereira, que após observar uma encenação sentiu-se tocada e pediu para ser batizada no campori.

Para Jaqueline Fernanda Martins, o campori fez total diferença em sua vida, pois ela também tomou a decisão de ser batizada. “O campori mudou totalmente minha vida, porque tenho a certeza de que aqui eu tomei a melhor decisão de minha vida, estando mais próxima de Deus me entregando à Ele”, afirmou a jovem.

Os jovens também realizaram ações na comunidade, como visitar pessoas afastadas da igreja e distribuir panfletos de casa em casa alertando sobre os riscos que a dengue causa na família e quais devem ser os cuidados à serem tomados.  [Equipe ASN, Raquel Moroz. Fotos: Mauro Jacoby, Denisson Di Bernadino e Felipe Triacca]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox