Notícias Adventistas

Aventuri: Crianças aprendem valores enquanto se divertem em acampamento

30 de novembro de 2015

 

Os clubes participantes não perderam a oportunidade de fotografar com a Turma do Nosso Amiguinho

Os clubes participantes não perderam a oportunidade de fotografar com a Turma do Nosso Amiguinho

Açailândia,MA…[ASN] O Aventureiro é uma criança que está estudando entre o 1 º o 5 º ano. Cada Aventureiro é especial e único. Além disso, há várias características típicas de crianças nessa faixa etária e muitos aspectos são desenvolvidos a partir da participação e troca de experiências.

No Brasil existem 53.763 Aventureiros distribuídos em 2.749. No último final de semana estiveram reunidos 1200 aventureiros, matriculados em 34 clubes no IV Aventuri da Missão Sul Maranhense “Heróis de Verdade”, em Açailândia-MA.

Tia Cecéu, cantora e apresentadora da TV Novo Tempo, foi a convidada especial desse acampamento, ela comandou a criançada cantando e contando histórias, tornando o evento único e marcante para cada uma delas. A Turma do Nosso Amiguinho também marcou presença fazendo a alegria da garotada.

Assistido por pais e principalmente pela equipe de direção dos clubes, o Aventuri foi conduzido com tranquilidade mostrando que as crianças estão aprendendo bem cedo a ter disciplina e bom comportamento.

José Raimundo tem 64 anos e há 29 trabalha diretamente com os jovens na igreja e não perde um acampamento. Ele, os quatro filhos e a esposa decidiram se doar em prol do trabalho com crianças, juvenis e jovens. “Meus netos precisam ter referências e seguir bons exemplos”, disse Zé Raimundo referindo-se aos cinco netos que estiveram presentes no acampamento.

Tia Cecéu ensinou valores importantes como valorizar as pessoas e não apedidar

Tia Cecéu ensinou valores importantes como: valorizar as pessoas, não apelidar e ser obediente

Para aprender coisas importantes não precisa ser grande, o pequeno Pedro Henrique que tem sete anos, participou pela primeira vez de um acampamento, “aprendi com a Tia Cecéu que não pode mentir e nem zombar das pessoas quando elas caem” comentou o garotinho, acrescentando ainda que o que mais gostou mesmo foi do Parque aquático.

Ayalla Kimberly, do clube Mãozinhas Ajudadoras, já tem nove anos, portanto este é seu último ano como aventureira, ela se submeteu a duas provas, a do concurso do livro do ano, “King, o pregador que não conseguia pregar” e o livro de Ester, atingindo pontuação máxima sendo condecorada com medalha. Ayalla diz ter gostado muito de ter conhecido Tia Cecéu e pretende ingressar no clube de Desbravadores próximo ano.

Vindo de longe, Sula enfrentou nove horas de viagem de Balsas a Açailândia e diz que trabalha com os Aventureiros por amor, “Eu faria tudo de novo”, explica referindo-se à satisfação que foi ter participado dos preparativos e do evento.

Quarenta e sete novos líderes foram investidos em cerimônia especial, regada a homenagens, lágrimas e muita emoção. A coordenadora dos Aventureiros para todo o sul do Maranhão, Dierlane Vasconcelos, expressa sua alegria: “A sensação é de dever cumprido; não foi fácil, mas conseguimos e só temos a agradecer a Deus”, comemorou ela. Aplaudidas pelos pais, dezenas de crianças tomaram a melhor das decisões unindo-se a Cristo oficialmente através do batismo.

Mesmo tendo pouca idade, muitas crianças tomaram a decisão mais importante de suas vidas: o batismo

Mesmo tendo pouca idade, muitas crianças tomaram a decisão mais importante de suas vidas: o batismo

Para o diretor de jovens do sul do Maranhão e coordenador geral do evento, pastor Nazareno Santos, os meninos e meninas saíram do Aventuri confiando nos heróis de verdade como José, Ester e Jesus, “Precisamos investir nas novas gerações, elas serão o futuro da igreja, o sentimento agora é de satisfação e dever cumprido”, exclama o Nazareno.

Os líderes da igreja Adventista do sul do Maranhão também entendem que é necessário investir nas crianças, não apenas com tempo, mas com recursos financeiros, foi esta a mensagem que os pastores Alexandre Meneses, presidente, Valmir Barros, secretário e Roberto Barbosa, tesoureiro, transmitiram ao dar total apoio ao evento, não deixando de mencionar também o apoio incondicional que os pastores distritais deram para que o acampamento saísse como o esperado.

A Igreja Adventista entende a importância de cuidar das crianças, adolescentes e jovens e dará ênfase às novas gerações nos próximos anos, portanto, muitos outros eventos e investimentos para essas faixas etárias serão realizados no Sul do Maranhão. [Equipe ASN, Simone Joe]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox