Notícias Adventistas

Eventos

10ª Edição do Aventuri reúne 1.200 crianças    

O Evento aconteceu na Estância Árvore da Vida, na cidade de Sumaré, promovido pelo Ministério dos Aventureiros da Associação Paulista Sudoeste (APSo)


  • Compartilhar:
Momento especial da abertura oficial do Aventuri com a machadinha

Aos poucos chegavam as caravanas de todo território sudoeste para mais um Aventuri, na Estância Árvore da Vida, em Sumaré. Após dois anos de restrições por conta da pandemia, cerca de 1.200 crianças participaram da 10º Edição do Aventuri. O tema do evento foi O Mundo dos Dinossauros. Um programa especial foi preparado com muitas atrações ao longo de três dias, que iniciou no dia 7 de outubro, na sexta-feira à noite.
 
As crianças vibraram com a entrada das Bandeiras e de ver o seu diretor do clube passando pelo corredor. O momento da batida da machadinha confirmou a abertura oficial do evento, com muita empolgação dos participantes. A parte musical ficou por conta do grupo “A Arte de Brincar”, agitando bem a criançada, que gosta muito de cantar e fazer gestos.

Entradas dos líderes e diretores dos clubes

Laís de Camargo é diretora do Clube Pequeninos da Fé, em Tatuí. Ela conta que foi incrível ver o olhinho das crianças brilhando na hora que começou a abertura. “É um presente de Deus muito grande de podermos estar aqui hoje e ver a alegria deles. Temos crianças no clube que não conhecem ainda a mensagem adventista e as histórias da Bíblia. Aqui é uma maneira diferente de mostrar o amor de Jesus para elas”, destaca.
 
E quando se trata de mensagens espírituais, a professora Fabíola Guedes, diretora do Ministérios das Crianças e dos Adolescentes da APSo, foi a oradora oficial contando muitas histórias da Bíblia. Também teve a participação da cantata dos alunos do UNASP Hortolândia em dois momentos especiais.

Professora Fabíola Guedes, oradora oficial do evento

No segundo dia de atividades os clubes passaram pela inspeção do uniforme de gala, antes do início da programação. É obrigatório seguir as regras do uso do uniforme pois conta pontos para os clubes. “Eles ficam apreensivos, querendo ver se achamos alguns erros no uniforme; mas o nosso objetivo maior é de instruir. É claro, se tiver muita coisa errada não passa” disse Fernando Madeira, regional dos aventureiros da área 2.
 

Estar com o uniforme de gala teve um motivo muito especial - na manhã de sábado com a Cerimônia de Investidura de 30 líderes. A troca do novo lenço é uma nova fase para os investidos que foram reconhecido pela liderança da igreja. A equipe ganhou um reforço significativo com a chegada de líderes mais preparados e capacitados para atuarem na linha de frente.
 

O grupo a "Arte de Brincar" responsável pelos momentos de louvor.

“Foi incrível o momento da minha investidura. É o resultado do trabalho de muito anos com as nossas crianças. Teve muito trabalho por causa da pandemia. Eu saiu daqui vitoriosa por ser um instrumento para colocar no coração das crianças o amor de Jesus. É algo divino”, comenta Camila Silvestre de Brito, diretora do Clube Companheiros de Jesus.
 
Na parte da tarde aconteceu o Carrossel de Atividades com temas bíblicos. Foi um momento bem divertido que somavam pontos para os clubes. No circuito, foi colocado à prova as habilidades de concentração, memória, de agilidade, do conhecimento - além do trabalho em equipe.
 

Tio Bolinha no momento da matroginástica

A Lara Rocha Rodrigues - do Clube Luzeiros da Colina - conta que procurar objetivos enterrados na areia foi muita alegria, no Carrossel da Escavação. “Parecia que a gente estava escavando um negócio de verdade. Como o nosso grupo era grande não foi rápido, mas foi legal cavar com a mão.”
 

Aconteceu o batismo de duas crianças, fruto do trabalho dos clubes


O encerramento foi marcado com mais um batismo, a entrega dos certificados dos concursos e dos troféus para os clubes e líderes. O troféu é o registro que fica na história de cada clube que sai mais fortalecido para continuar com as suas atividades. “O nosso objetivo aqui no evento foi de colocar um pouquinho do Fogo do Espírito Santo no coração de cada criança, com as mensagens as atividades que aconteceu ao longo dos três dias”, disse o pastor Kevin Choque, diretor do Ministério dos Aventureiros da APSo.

Veja o álbum de fotos no Facebook