Notícias Adventistas

Respeitando distanciamento social, fiéis assistem culto dos próprios carros no RS

Chamado de “Drive-in da Bíblia”, eles se reuniram no pátio da igreja, mas respeitando as recomendações de saúde

Por Douglas Pessoa 4 de maio de 2020

Dentro dos carros estacionados, membros deram início a retomada dos cultos em Canoas

Enquanto algumas regiões do Brasil enfrentam uma fase de saturamento do sistema de saúde provocado pela Covid-19, parte do Rio Grande do Sul conseguiu achatar a curva pandêmica e manter a quantidade de casos num patamar que não sobrecarregasse os sistemas sanitários. Por isso algumas normas de isolamento têm sido levemente flexibilizadas no estado e uma lista de atividades rotineiras tem sido retomada aos poucos.

Uma dessas mudanças é sobre os templos religiosos. Na maior parte dos municípios gaúchos, igrejas foram autorizadas a reabrir com um número mínimo de frequentadores e rígidas regras de higienização. O objetivo é retomar a atividade, mas continuar preservando a saúde dos fiéis e amigos da igreja.

Covid-19: como se prevenir e o que você precisa saber 

Em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, uma iniciativa diferente também tem ajudado a alinhar prevenção com o amparo espiritual. Na tarde do último sábado um grupo de membros da IASD do bairro Niterói se reuniu no pátio da igreja para participar de um culto. No entanto, diferente do que estão acostumados, cada pessoa que chegava não saia de dentro do seu automóvel. Com uma caixa de som e Bíblia na mão, o pastor apresentou a mensagem espiritual enquanto os membros assistiam diretamente dos carros, respeitando o distanciamento social.

Por enquanto, a autorização para retomada dos cultos vale apenas para municípios do interior e alguns da Região Metropolitana. As regras e condições para esse reinício têm sido definidas pelas prefeituras, mas algumas condições vigoram a nível estadual, como presença de, no máximo, 30 pessoas no templo, distanciamento de dois metros um do outro, uso obrigatório de máscaras e disponibilização de álcool em gel. Na capital, as igrejas ainda não estão autorizadas a reabrir.

Veja imagens da reabertura das igrejas no interior do Rio Grande do Sul

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox