Notícias Adventistas

Internos de fazenda terapêutica são batizados durante programação da Semana Santa

Cinco pessoas tomaram a decisão do batismo

Por Emanuele Fonseca 2 de abril de 2021

Batismo na Fazenda Terapêutica – Viva com Esperança.

Quando crianças, caímos e logo nos levantamos. Porém, com o passar dos anos, cada vez que caímos, mais nos machucamos. E no sentido espiritual, quando caímos, somos capazes de nos levantar?

Paulo Machado, 35, adventista de berço, caiu nas drogas pela primeira vez aos 14 anos. Depois de algumas passagens em fazendas de reabilitação desde sua primeira queda, hoje está terminando o tratamento proposto de um ano na Fazenda Viva com Esperança, que se encontra na zona sul de Porto Alegre. A semana Santa para ele foi o momento do rebatismo, de entregar-se novamente a Cristo.

“Hoje veio a se realizar o sonho de rebatizar, e voltar pros caminhos de Deus […] Vou cumprir o meu tempo de casa, e em seguida estarei à disposição da igreja, da obra, para ministrar juntamente com meus irmãos”, compartilha Paulo.

A Semana Santa  tem o propósito de relembrar o objetivo de Cristo aqui na Terra, celebrando, simbolicamente, sua vinda e morte por todos os homens. Esta data, na Igreja Adventista, é sempre acompanhada por batismos e rebatismos, como é o caso não só do Paulo, mas também de outros quatro colegas de tratamento na Fazenda Viva com Esperança.

Leia também:

Bryan Macedo, Itamar Martins, Bruno Santos e Denisson Matte estão realizando o tratamento juntamente com Paulo e foram também batizados na tarde de terça (30) pelos pastores Charles Britis, Yuri Ravem e Helton Flores, sinalizando seu compromisso com Cristo. Além do testemunho aos colegas da casa, suas famílias puderam estar no local participando da festa. Também estavam presentes seus instrutores bíblicos, o obreiro Rudineli Goulart e Lucas Toffoli, que realizam estudos bíblicos uma vez por semana com os internos.

“O testemunho de um dependente químico é sem dúvida um dos mais fortes que se pode ouvir, pois eles experimentam em um nível surreal o perdão de Deus e da sua transformação. Me sinto privilegiado em aprender e ensinar a homens tão importantes para Deus”, conclui Toffoli.

Nesta Semana Santa além de celebrarmos a entrega de Cristo na cruz, comemoramos os reencontros que este sacrifício pode proporcionar. Para aqueles que crerem em Cristo, não somente na Semana Santa, mas a qualquer tempo é lhes dada a oportunidade de quando caírem, terem na mão de Jesus quem os levante. Recomece!

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox