Notícias Adventistas

Planejamento garante o sucesso da Semana de Evangelismo do Ministério da Mulher 

Por Mariana Santos 15 de junho de 2021

A Semana de Evangelismo da Mulher terminou no último sábado dia 12 de junho e proporcionou inúmeras experiências marcantes para todos que participaram. A ação aconteceu em todo o estado de São Paulo envolvendo todos os públicos, desde crianças até os idosos, em diferentes frentes de evangelismo e o distrito do Jardim Gardênia Azul, em Suzano, é um exemplo de como o evangelismo precisa acontecer de forma planejada. 

Idosos e membros afastados recebem visita na porta de casa.

Erika Moreno, esposa de pastor, ficou responsável pelas pregações na igreja central durante a semana, participou de todo o processo de planejamento da semana que começou muito tempo antes da programação. “Nós tivemos treinamentos, dados pela APV, pelo Facebook, YouTube, e toda terça, tratava de um assunto específico. Então, falou da música, falou da preparação antes da semana de oração, pós-semana de oração, da pregação… todos os detalhes”, explica. 

Assim como o preparo, a evangelização não se limitou aos sete dias de programação. Todas as igrejas do distrito se mobilizaram e as estratégias envolveram, inclusive, o clube de desbravadores. “Prepararam serenatas, algumas igrejas saíram pelas ruas distribuindo os convites com uma fanfarra dos desbravadores e teve outra igreja que fez visita no portão”, explicou Erika sobre as ações realizadas.

Calebes realizam serenata para membros afastados.

Na Igreja central, foram realizadas serenatas pelos Calebes e visitas no portão aos membros afastados. Luciana Borges, que é a líder do Ministério da Mulher na igreja, separou uma lista de membros afastados da igreja e distribuiu entre os trios de mulheres, assim, cada trio recebeu quatro nomes que deveriam receber uma visita no portão.

Hildevania de Sousa foi uma das pessoas que recebeu a visita, contudo, o processo de aproximação precisou ser gradual. Vânia, como é chamada, estava na casa de sua mãe no momento em que os Calebes vieram fazer uma serenata para a idosa que não estava frequentando a igreja devido à pandemia. O nome de Vânia estava na lista de Erika, que lhe fez uma visita no portão dias depois, e graças ao contato entre às duas, a ação gerou frutos.

Pelo WhatsApp, Erika enviou vídeos com meditações do Ministério da Mulher todos os dias para Vânia. Certo dia, os Calebes realizaram mais uma serenata para Vânia e, desta vez, ao ver sua filha junto aos jovens, Vânia se emocionou lembrando de sua infância na igreja. Após frequentar alguns dias, na quarta-feira, dia 9 de junho, Vânia aceitou o convite para entregar sua vida a Jesus, e na sexta-feira, dia 11 de junho, decidiu pelo rebatismo.

Da Esquerda para direita: Érika Moreno e Hildevânia de Souza.

Histórias como a de Vânia foram frequentes durante a Semana de Evangelismo, mostrando que o tema Olhar de Esperança definiu bem o propósito da programação. Os treinamentos realizados pela Associação Paulista do Vale também tiveram um papel importante nas estratégias de abordagem, pois para alcançar vidas também é necessário planejamento.

Para Greice Ferreira, líder do Ministério da Mulher da Paulista do Vale, “… essa Semana de Evangelismo não vai parar por aqui. As mulheres já estão animadas e envolvidas nas próximas estações de Evangelismo, e muitos frutos ainda serão colhidos com o projeto que foi iniciado agora”.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox