Notícias Adventistas

Missão Calebe no Piauí marca recomeço de vida

Por Bruna Coimbra 5 de fevereiro de 2020

Acolher, visitar, pintar casas, limpar praças, entregar alimentos, cantar, orar… Os métodos são diversos, mas a motivação é a mesma: levar esperança e apresentar Cristo às pessoas. Esse tem sido o objetivo do projeto Missão Calebe, que há 12 anos têm dado aos jovens a oportunidade de uma experiência ímpar na área missionária.

Realizado durante as férias, eles dedicam seu tempo de descanso das atividades escolares para promover ações positivas e impactar sua comunidade. No Piauí, esse envolvimento transforma tanto a vida de que é assistido por esses jovens, quanto de quem participa como Calebe.

Uma oportunidade para recomeçar

Na realidade, o projeto tem contribuído para resgatar aqueles jovens que, por alguma razão, se distanciaram de Deus, como a Gleyce. Ela recorda de que na casa de sua mãe foi realizada, em 2017, uma edição da Missão Calebe. E que ter feito parte do projeto foi fundamental para sua tomada de decisão de se entregar novamente a Jesus. “É um dos projetos mais interessantes realizados pela Igreja, porque é contagiante. Além disso, a maneira como se fala de Deus também é diferenciada. Você sai da rotina e pode ter um contato mais próximo com os outros; conhece pessoas novas e pode dizer a elas que Deus é amor e alegria”, conta entusiasmada.

Gleyce foi rebatizada e levou seu esposo, Bruno, ao batismo.

Recomeço também para o Alan. Só que ele foi além: escolheu um dia de recomeço para dar um dos passos mais importantes na vida de alguém. Depois de renovar o seu compromisso com Deus através do batismo, e reafirmar a sua fé, ele firmou um compromisso para toda a vida com a sua namorada, Bruna, pedindo-a em casamento.

Alan dá um novo passo depois de recomeçar a vida com Deus.

Projeto tem record de participação em 2020

Gleyce e Alan foram rebatizados numa grande festa realizada para celebrar o trabalho realizado pelos Calebes na região Nordeste. Em caravana, os líderes do projeto visitaram as principais capitais, comemorando a participação de 21 mil jovens Calebes em 2020, um marco na história do projeto na região.

No Piauí, a participação também foi bastante significativa, contando com 1.578 Calebes, divididos em duas frentes de atuação: o Calebe Jovem e o Calebe de Lenço, realizado pelos membros do Clube de Desbravadores. Juntos, eles alcançaram 240 pessoas para Cristo só no mês de janeiro.

“Costumo dizer que se a Igreja é o corpo de Cristo, os jovens são o sangue desse corpo. É maravilhoso ver os jovens se dispondo. Salvar do pecado e guiar no serviço é uma realidade com a atuação dos Calebes”, pontua José Orlando, diretor de Jovens no Piauí.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox