Notícias Adventistas

Livro que conta histórias de pioneiros inspira semana Crescendo em Graça

Paixão, Propósito e Poder é o tema da programação que acontecerá no segundo semestre

Por Pollyana Trindade 16 de julho de 2020

 

O projeto Crescendo em Graça acontece em todo Nordeste, e neste segundo semestre de 2020 será realizado entre 12 a 16 de agosto, através de transmissão via web, com o tema Paixão, Propósito e Poder. O tema foi inspirado no livro do autor James R. Nix, e as mensagens pregadas contarão histórias de pioneiros da igreja e a relação deles com as dificuldades do passado a fim de reavivar a igreja de hoje, com o mesmo compromisso evidenciado pelos pioneiros adventistas.

Em outras versões o projeto já teve palestrantes como os pastores Alejandro Büllon, Gilson Brito, Josanan Alves, Marcos Bonfim.

A live de lançamento está programada para acontecer hoje às 19:30h nos canais oficiais da Adventistas Bahia Sergipe, o pastor Luciano Salviano, Diretor do Ministério da Fidelidade Cristã para a Bahia e Sergipe, mostrará as ações que ocorrerão nesta segunda etapa do projeto. Veja abaixo a entrevista e fique por dentro das novidades:

 

Leia também:

 

Pollyana TrindadePastor conte-nos um pouco sobre o projeto Crescendo em Graça, nesses 4 anos de existência.

 

Luciano Salviano – O projeto Crescendo em Graça começou aqui na União Leste Brasileira no ano de 2016, com o pastor Josanan Alves. A princípio a ideia não era de um projeto e sim realizar um programa com base no livro do autor Alejandro Büllon, onde o tema era exatamente Crescendo em Graça. O convite foi feito ao pastor Büllon para fazer uma semana de pregações com base neste livro. Como o programa teve um retorno muito positivo, então foi repetido no ano seguinte e depois acabou virando um projeto que foi se ampliando. No começo era realizado apenas um treinamento para pastores e a semana de oração para a igreja, com o tempo foi estendido o treinamento aos líderes também.

Em resumo projeto tem o objetivo de fazer um treinamento e uma atualização na área da fidelidade cristã, com pastores, líderes e membros da igreja, no primeiro semestre. Já no segundo semestre o objetivo é focar em um livro como incentivo para que a igreja leia mais, e os sermões são realizados com base nele. Neste ano o orador será o pastor Hélio Carnassale, líder de Liberdade Religiosa para América do Sul.

 

Pollyana Trindade – Qual a motivação para o tema deste ano e o que a igreja poderá esperar e aprender sobre o assunto?

 

Luciano Salviano – Existe um texto do Espírito de Profecia que motivou este tema, e o texto diz que “Nada temos a temer quanto ao futuro, a menos que nos esqueçamos da maneira pela qual o Senhor tem nos conduzido e de Seus ensinos em nossa história passada” (Ellen G. White, General Conference Bulletin, 29 de janeiro de 1893), com base nisso a sede da igreja na América do Sul adotou o livro Paixão, Propósito e Poder  do autor e pastor James R. Nix que é um pesquisador e atual diretor do Centro White nos EUA, e o livro contém histórias e experiências inéditas dos pioneiros. O pastor Josanan Alves Diretor do Ministério da Fidelidade Cristã para América Sul, conseguiu fazer a tradução do livro para o português e colocou à disposição da igreja.

Nossa união adquiriu 55 mil livros para incentivar os membros a conhecerem mais a história dos pioneiros e como eles enfrentaram diversas situações no passado.

 

Pollyana Trindade – Sobre a leitura deste livro, Paixão, Propósito e Poder, qual relação e a importância da inspiração dos pioneiros para esses dias de pandemia?

 

Luciano Salviano – Exatamente nos momentos de crise é que percebemos que a igreja deu um salto de crescimento! No passado isso aconteceu com a gripe espanhola, na primeira guerra mundial, com as crises teológicas que a igreja teve, e foi passando por essas crises que a igreja cresceu mais. Hoje não é diferente, o mesmo Deus do passado é o mesmo Deus do presente, Ele guiou a igreja e fez com que ela passasse por essas crises ficando cada vez mais forte e com um crescimento mais exponencial, e o mesmo pode acontecer nos dias de hoje. Essa é uma oportunidade da igreja se fortalecer através da experiência desses pioneiros.

Então, é relevante ter os pioneiros como base, como referência histórica de que Deus pode através dessa pandemia nos surpreender mais uma vez. A igreja vai sofrer, ela vai sentir porque é porosa e absorve as crises que o mundo passa, porém com um diferencial, nós temos Deus na nossa direção.

 

Veja mais detalhes no vídeo abaixo:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox