Notícias Adventistas

Jovens arrecadam dez mil peças de roupas em varal solidário

Ação faz parte do projeto Missão Calebe e envolveu vários municípios da região Oeste de Mato Grosso

Por Gabriela Porto 30 de junho de 2020

Mais de dez mil peças de roupas e calçados foram arrecadadas e distribuídas em uma ação realizada pelas equipes da Missão Calebe, em parceria com o departamento de Jovens da Igreja Adventista do Sétimo Dia da Missão Oeste Mato-Grossense (MisOM), com a Ação Solidária Adventista (ASA) e Igrejas Adventistas de toda região Oeste do estado, no último sábado, 27.

Os voluntários, fizeram um mutirão de arrecadação de roupas através de parentes, amigos e conhecidos. (Foto. Arquivo pessoal)

Segundo o departamento Jovem, a quantidade de roupas e calçados arrecadados superou as expectativas. O intuito da ação é de auxiliar famílias que estão passando por dificuldades. Os voluntários, fizeram um mutirão de arrecadação de roupas com parentes, amigos e conhecidos e com as peças recebidas montaram em pontos estratégicos uma espécie de “varal solidário” para que famílias interessadas pudessem escolher e levar para casa.

Keytiane de Almeida e Joilson Junior, são líderes de uma das equipes e foram responsáveis por atender a comunidade de Mata Cavalo 17km do município de Nossa Senhora do Livramento.

“Em questão de vinte minutos, atendemos toda a comunidade. Foi maravilhoso ver as pessoas agradecendo e retribuindo o carinho por meio de um sorriso ou com aquele olhar de reconhecimento pelo simples gesto que tivemos de tirar tempo e estar ali para cuidar deles”, relata Júnior.

Jovens realizam ações sociais de arrecadações de roupas para atender as comunidades carentes (Foto. Arquivo Pessoal)

O distanciamento social recomendado para impedir a proliferação do coronavírus, na verdade, tem aproximado pessoas. A disposição dos jovens em realizar ações sociais que atendam as comunidades carentes, tem ganhado força. O ato de surpreender e querer ver o bem, tem motivado cada um a querer sempre fazer mais, principalmente neste período em que as pessoas se encontram ansiosas e apreensivas, diante de necessidades sociais e econômicas.

“Recebemos notícias sobre a crise a todo momento e estamos sujeitos a outras situações que o distanciamento social demanda.  Então, mais do que nunca, é preciso cuidar, cuidar do meu próximo, cuidar de nossas relações”, finalizou Junior, líder da equipe do município de Nossa Senhora do Livramento.

O altruísmo foi praticado por Silvana Tonet, líder da equipe de Campo Novo do Parecis, que ao receber o convite para estar à frente de uma das equipes, sentiu que seria impossível ver motivação diante das circunstâncias sofridas por causa da pandemia, mas, foi surpreendida com a ação e motivação dos participantes.

“Apesar da distância física, estamos conseguindo alcançar corações”, Comenta Tonet, líder de uma das equipes do projeto. (Foto. Arquivo Pessoal)

“Estamos vendo o agir de Deus em nossa vida. A comunidade tem acompanhado as ações pelas redes sociais. Apesar da distância física, estamos conseguindo alcançar corações. É o momento exato de nos aproximarmos de pessoas que precisam, fazermos nossa parte e cuidar, levar conforto”, comentou Silvana.

Debora Karolaine, voluntária de Peixoto de Azevedo, participa há 11 anos do projeto Missão Calebe e destacou a gratidão por estar fazendo parte da ação que envolveu cerca de dois mil jovens:

“É sempre uma emoção muito grande poder ajudar as pessoas. Um senso de dever cumprido. É gratificante ver os olhos das pessoas brilhando e a felicidade estampada no rosto de quem está recebendo apoio e ajuda. E em meio a essa pandemia, o sentimento de satisfação por ter a oportunidade de ajudar é maior ainda, orei para que vidas fossem alcançadas e tenho a certeza de que foram”, ressalta a voluntária.

Todos os cuidados de prevenção ao combate do coronavírus foram tomadas pelas equipes e organizadores.

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox