Notícias Adventistas

Jovens adventistas constroem casa para mulher carente

Calebes de Camboriú, em Santa Catarina, conheceram Cláudia Soares na rua, ouviram sua história e uniram forças para ajudá-la

11 de março de 2018

Por Daniel Gonçalves

“Eu estou muito feliz e confiante em Deus. Deus está comigo. Ele me ama e agora vou começar uma vida nova”, ressalta Cláudia, que agora tem um novo lar

Na cidade de Camboriú, em Santa Catarina, jovens adventistas construíram uma casa para uma moradora de rua. Os voluntários do projeto Missão Calebe da igreja adventista de Monte Alegre prolongaram as atividades iniciadas em janeiro para ajudar Cláudia Soares, de 53 anos. Apesar de ter uma casa, seu lar não tinha condições de moradia, e por isso os voluntários viram a oportunidade de auxílio.

Leia também:

Tudo começou em um sábado à tarde com a distribuição de um lanche e de folhetos evangelísticos. “Nós vimos a dona Cláudia no canto da praça e fomos conversar com ela. Logo ela começou a chorar e contar sua história”, explica Adriana Cerpa Bukovitz. Cláudia estava desesperada, mas uma amiga lhe pediu para esperar em Deus. “Ela disse que iria orar por mim e que Deus iria colocar pessoas no meu caminho que iriam mudar minha vida. Então, no outro dia, vi aquele pessoal cantando na praça e eles vieram falar comigo”, conta Cláudia.

A pequena casa de 26m² foi construída pelos próprios Calebes, apesar de terem pouco dinheiro. “A gente recebeu doação de vários lugares e essa parte foi fundamental para nossa espiritualidade. Não tínhamos condições de construir, mas Deus proveu”, lembra Érico Junior Oliveira, líder dos jovens. Enquanto isso, Cláudia ficou na casa da família de Ubirajara Guedes e lá aprendeu mais sobre Deus. “A gente deu comida, um local para dormir e fomos falando de Jesus”, ressalta Guedes.

A entrega da residência foi feita no dia 3 de março e transformou Cláudia em uma nova mulher. “Eu estou muito feliz e confiante em Deus. Deus está comigo. Ele me ama e agora vou começar uma vida nova”, garante. E para os jovens voluntários, suas vidas também mudaram. “Eu não fazia muita coisa na igreja, mas ao ajudar nesse projeto, percebi que isso deixa a gente mais feliz e próxima de Deus”, sublinha a voluntária Aline Berlarmino.

Veja fotos da entrega na galeria abaixo:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox