Notícias Adventistas

Barcos e canoas transportam esperança no Norte do País

Praças, shoppings, avenidas movimentadas e presídios receberam a visita dos adventistas neste sábado

Por Anne Seixas

Impacto Esperança

Na Ilha de Santana, no Amapá, cerca de 700 famílias receberam o livro O Poder da Esperança (Foto: Leonardo Leite)

Dos grandes centros a pequenas comunidades nos interiores, os adventistas no Pará, Amapá e Maranhão se mobilizaram para distribuir mais de 1,7 milhão de exemplares do livro O Poder da Esperança desde o início da semana. Ações em Organizações não governamentais (ONGs), praças e centros de detenção marcaram os projetos na região.

Em Belém e em várias outras cidades, foram organizadas diversas passeatas neste dia 26 para falar sobre o tema da obra. Além dos oito remédios naturais, 300 mil adventistas que moram nos três Estados têm dialogado com a sociedade sobre saúde mental e emocional.

Leia também:

Na capital paraense, uma única igreja adquiriu 30 mil livros e convocou todos os membros para se dividirem em blocos. Cada grupo explicou um pouco sobre os remédios naturais e percorreu as principais avenidas da região central do município. Eles usaram a criatividade, prepararam cartazes e usaram os mais diferentes meios de transporte para se locomoverem. Patins, bicicletas, à pé.

A ideia surgiu com os membros da Igreja Jovem de Belém. “Vamos contratar um trio elétrico, vamos colocar a banda da nossa igreja lá em cima, e o pessoal veio acompanhando”, explica Ediel Câmara. Além do livro, quem passou pela ação ganhou frutas e água para se refrescar do calor.

Impacto Espereança

Em Belém, uma passeata parou o trânsito e os jovens distribuíram livros em ônibus, carros, no comércio e nas casas no entorno do bairro do Marco (Foto: Luz Souza)

Em todo lugar

O Hospital Adventista de Belém promove amanhã, 27, uma grande Feira Vida e Saúde na capital paraense com serviços como atendimento odontológico básico, clínicos gerais e orientações sobre bem-estar. Mas hoje o dia não passou em branco. Os adventistas que frequentam o Encontro Vida, igreja que funciona dentro do hospital, participaram do projeto Leitos de Esperança. De quarto em quarto, um livro foi entregue para os pacientes.

Para o pastor Ivanildo Cavalcante, diretor do Ministério Pessoal para a região Norte, “este movimento fortalece em cada cristão a razão de sua existência: levar esperança.” Ele completa ainda afirmando que “é lindo ver em todas as faixas etárias esse desejo de abençoar vidas e fazer avançar o reino de Deus.”

Impacto Espereança

Em São Luis, o Impacto Esperança foi até um presídio para entregar o livro missionário (Foto: Bruno Mesquita)

A Educação Adventista também marcou presença durante o Impacto Esperança, projeto anual de distribuição desses livros. Em Imperatriz, no sul do Maranhão, fizeram uma troca: as pessoas doavam 1kg de alimento não perecível e ganhavam um livro.

Em São Luís, os alunos do Colégio Adventista da cidade fizeram duas ações. Uma em uma avenida movimentada da cidade, distribuindo livros aos motoristas, e outra na porta de um dos shoppings da ilha. Lá foi montada uma tenda e quem entrava e saía do centro comercial garantiu seu exemplar. Ainda na mesma cidade, o presídio recebeu a vista dos adventistas, que levaram exemplares de O Poder da Esperança.

Esperança que navega

Em Macapá, capital do Amapá, as mulheres foram as responsáveis pela entrega de exemplares da obra em uma das ilhas ao redor do município. Elas usaram barcos, canoas e todos os meios disponíveis para entregar esperança. O Impacto Esperança também foi destaque na imprensa local. Marli Peyerl, diretora do Ministério da Mulher da Igreja Adventista para toda a América do Sul, esteve na ação. “Está sendo um grande privilégio. Essa mensagem precisa ir para todos os lugares. Jesus precisa voltar em breve”, discorre Marli.

Na Faculdade Adventista da Amazônia(Faama), alunos do curso de Teologia visitaram ontem um centro de ressocialização de menores que é atendido pelo projeto Reescrevendo Nossa História. Lá conversaram com os meninos e falaram sobre o conteúdo do livro. Hoje foi montada uma “blitz” na portaria do colégio e todos os carros receberam um exemplar da obra.

Impacto Espereança

Em Macapá, os adventistas usaram um barco para cruzar o Rio Amazonas e chegar até a Ilha de Santana (Foto: Leonardo Leite)

Confira as fotos na nossa página no Facebook:

Veja como foi o Impacto Esperança no Pará, Amapá e Maranhão

Posted by Adventistas Norte on Saturday, May 26, 2018

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox