Notícias Adventistas

Filme “O Resgate” em Libras é lançado na Igreja Central de Brasília

Pela primeira vez um filme produzido pela Igreja Adventista do Sétimo Dia é traduzido para a Língua Brasileira dos Sinais

29 de maio de 2017

Surdos foram presenteados com o DVD Em Busca de Esperança em Libras [Fotos: Gérson Marques]

Brasília, DF… [ASN] Neste sábado, 27 de maio, a Igreja Adventista do Sétimo Dia Central de Brasília fez o lançamento do filme O Resgate na Língua Brasileira de Sinais (Libras) para a comunidade surda do DF. Essa é uma iniciativa pioneira na Igreja, pois, pela primeira vez, um filme é traduzido para Libras.

É a primeira vez que Renata assiste a um filme traduzido para Libras

Gérson Marques, coordenador do Ministério dos Surdos da Igreja Central, explica que o vídeo é uma justificativa para trazer as pessoas à igreja. Na noite do lançamento haviam cerca de 30 surdos, a maioria não-adventistas. “Nós sabemos que tem alguns órgãos que concentram surdos, então procuramos focar a divulgação nessas instituições”, explica Marques.

É a primeira vez que Renata Queiroz assiste a um filme traduzido para a sua língua. “O filme me passou emoção, eu refleti sobre isso. Essa é uma adequação de acessibilidade muito importante. Para os surdos, a legenda se torna mais difícil, pois muitas vezes não conseguimos acompanhar os dois”, explica.

Moreira achou a iniciativa muito importante

Falk Moreira diz que a expressão dos intérpretes traz emoção para o espectador. Algo que a legenda não faz, pois nem sempre o surdo consegue sentir a emoção que uma palavra escrita quer transmitir. “O surdo tem dificuldade na leitura de um livro. O ouvinte lê e consegue perceber: ‘Olha, isso aqui é importante’. Já o surdo não entente quase nada. Então quando é feita essa adaptação linguística para a Língua Brasileira de Sinais, a comunicação chega com mais eficiência”, diz.

Na ocasião, os espectadores também foram presenteados com um DVD contendo o livro Em Busca de Esperança em Libras. Marques diz que o objetivo do Ministério dos Surdos é misturar as pessoas para que o deficiente auditivo seja melhor aceito pela sociedade e está feliz com o resultado da iniciativa. “Estou grato a Deus porque Ele permitiu que esse projeto acontecesse”, conclui emocionado. [Equipe ASN, Pâmela Meireles]

Assista ao filme traduzido para Libras: 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox