Notícias Adventistas

Famílias são beneficiadas com cestas básicas e “serenata de oração”

Cerca de 18 quilos de alimentos foram entregues para cada família beneficiada

Por Pedro Farias 3 de março de 2021

Com voz e violão, os voluntários alegraram as famílias cantando músicas adventistas. (Foto: Ivo Araújo)

“Meu coração está feliz! Eu não esperava de jeito nenhum por essa ajuda, senti como se fosse meu aniversário e com direito a festa surpresa”, expressou Rosemary Batista da Silva, após receber uma cesta cheia de alimentos para ela e sua família.

Os 10 dias de oração e 10 horas de jejum é um projeto mundial da Igreja Adventista, que acontece anualmente, onde todos são mobilizados para orar por um propósito especial. Além do objetivo do projeto, que neste ano teve o intuito de orar pelo reavivamento das famílias, um grupo de 15 voluntários realizou uma “serenata de oração” e entregou cestas básicas para famílias necessitadas no bairro do Piranga, em Juazeiro, no norte da Bahia.  A ação aconteceu durante o sábado, dia 20 de fevereiro. As cestas básicas doadas foram higienizadas e todo o cuidado com o distanciamento e uso de máscara foi tomado para preservar a segurança das famílias.

Rosemary conta que o seu lar está passando por dificuldades e a assistência veio no momento certo. “Para mim é uma grande ajuda, pois eu não tenho como trabalhar e os auxílios do governo acabaram. Esses alimentos vão ajudar a sustentar minha família enquanto pago as despesas de casa”, confessou.

Esperança na crise

Com o início da pandemia da Covid-19, muitas pessoas vem enfrentando dificuldades financeiras, emocionais e espirituais. Segundo o responsável pela iniciativa, o pastor Ismael Sena, o cenário atual foi um dos grandes motivos para realizar esta ação e ajudar as famílias. “Nós resolvemos sair da nossa igreja e ir às casas, para levar até as pessoas um pouco de atenção, alimento e orações. O importante é ser os braços e as mãos de Jesus nesta terra, levando alegria e amor para as pessoas que precisam”, afirmou.

Os voluntários que participaram da campanha de oração e doação de alimentos, também ficaram felizes em ajudar outras pessoas. “Nós também trazemos o alimento espiritual, pois, para nós é muito gratificante ver a transformação de pessoas. Para fazer algo na vida de alguém, não precisa de muito, basta olhar ao redor e ver o que Cristo ensinou: Cuidar de pessoas. Isso nos leva a ser pessoas melhores”, disse a voluntária Ana Paula Santos.

A cidade que parou para orar

Senhor do Bonfim – BA (Foto: reprodução internet)

Na cidade de Senhor do Bonfim, interior do norte da Bahia, localizada a 384 km de Salvador, o pastor adventista, Davi Santos de Almeida, enviou um ofício para o gabinete do prefeito, convidando-o a participar dos 10 dias de oração. Após receber a carta, o prefeito abraçou o projeto e decidiu convidar todos os habitantes do município a participarem da campanha de oração pelas famílias.

Em resposta ao pastor Davi e a Igreja Adventista, o vice-prefeito Elizeu Rios, agradeceu em nome da cidade, pelas orações e dedicação dos adventistas. “Quando eu cheguei no meu gabinete, tinha um livro muito bacana e incentivador, muito obrigado pelo presente! Que Deus abençoe vocês e continuem orando por nós. Precisamos muito da proteção de Deus e da divina paz e comunhão com Ele”, declarou.

Confira outras ações realizadas durante os 10 Dias de Oração e 10 Horas de Jejum:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox