Notícias Adventistas

Escola prepara pastores de Manaus para o Evangelismo

O Evangelismo Escola aconteceu dos dias 9 a 13 de setembro, reunindo os pastores da capital amazonense.

Por Tatiane Lopes 18 de setembro de 2019

Cerca de 115 pastores participaram da Escola de Evangelismo em Manaus. (Imagem: Dhiego Arlinsonn)

Evangelizar é falar de Jesus. Parece algo simples, quando se lê desta maneira. Mas, o método utilizado, os meios pelo qual ele é feito diz muito sobre o sucesso final do evangelismo. É o que conta um dos professores da Escola de Evangelismo realizada em Manaus, dos dias 9 a 13 de setembro, o pastor, apresentador da Novo Tempo e evangelista da América do Sul, Luís Gonçalves. “Para cada público existe uma maneira personalizada de evangelismo. O que esta escola pretende é que o pastor identifique seu público e trabalhe de maneira personalizada para que a mensagem de esperança que pregamos, chegue de maneira apropriada a quem ouve”.

Técnicas de apelo foi um dos temas abordados no programa, que contou com a presença da cantora Cintia Nascimento. (Imagem: Abinoan Brandão)

A semana intensa de treinamento reuniu 115 pastores da capital amazonense. Além das aulas com métodos apropriados para a pregação e técnicas de apelo, o programa, que recebeu o nome “É tempo”, também preparou os pastores para o evangelismo público, um segmento bem recebido na região noroeste. “O evangelismo público é um método de resultados relevantes em nossa região. Esta semana mesmo, durante as noites, aconteceram as Caravanas da Esperança, que chamamos de  “A maior esperança”. Afirma o organizador da escola e líder de evangelismo na região, pastor Tiago Ferreira.

Saiba Mais: “A Maior Esperança” batiza mais de 700 pessoas no Amazonas 

Pr. Tiago Ferreira é líder de evangelismo na região noroeste do Brasil. (Imagem: Abinoan Brandão)

“Participar de escolas de evangelismo continua sendo uma inspiração. Durante esta edição, pude ver métodos antigos com uma nova roupagem. Afinal, o meio pelo qual o evangelismo é feito não mudou, mas as adaptações são muito necessárias”, conta o pastor Ronaldo da Silva, que tem 31 anos de ministério pastoral.

Já para o pastor Jadson Rego, que tem cinco anos de ministério, a escola foi fundamental. “As ferramentas que vimos aqui são relevantes para o trabalho prático. Eu atendo igrejas, mas tem pastores que atendem o evangelismo digital, escolas bíblicas, e a abordagem será eficiente para todos”, explica.

O programa ainda contou com a presença do ministerial da América do Sul, pastor Lucas Alves e do líder do ministério pessoal, pastor Hebert Boger. Na ocasião, ainda da sulamerica, esteve o pastor Udolcy Zukowski, que aproveitou a semana do lenço, programa dos desbravadores, para falar aos pastores.

A escola aconteceu durante a “semana do lenço”, programa dos Desbravadores, e contou com a presença o líder sul americano, pastor Udolcy Zukowski. (Imagem: Abinoan Brandão)

O presidente da igreja adventista na região noroeste, pastor Gilmar Zahn, conta que “programas como este vem a somar na vida do pastor que tem muitas atividades, mas que pode ter uma injeção de motivação para o trabalho na prática”.

Saiba Mais: Manaus é reconhecida como capital mundial dos Desbravadores em Celebração na Ponta Negra

 

O presidente da Igreja na região noroeste, pastor Gilmar Zahn, esteve presente na escola. (Imagem: Abinoan Brandão)

Cerca de 80 pastores participaram da Escola de Evangelismo em Manaus. (Imagem: Abinoan Brandão)

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox