Notícias Adventistas

Capital fluminense tem 2 mil pontos de estudo da Bíblia na Semana Santa

Pequenos Grupos, encenação em praça pública e reuniões em igrejas marcam a Semana Santa nas regiões Central, Leopoldinense, Caxiense e Serrana do Rio de Janeiro.

Por Fabiana Lopes 16 de abril de 2019

Pequeno Grupo em Cidade Alta, bairro Parada de Lucas, no Rio de Janeiro. Foto/Arquivo pessoal

A Semana Santa está acontecendo entre os dias 13 a 20 de abril em todos os países da América do Sul. Mais que coelhos ou chocolates, a Semana Santa acontece para rememorar o nascimento, morte e ressurreição de Cristo como o real motivo da comemoração da Páscoa.

Leia também: 

Neste ano, a Igreja Adventista do Sétimo Dia produziu uma série Renascidos-Novo Coração, para ser usada durante todos os dias desta Semana Santa. A série completa estará disponível até o final desta semana no aplicativo Feliz7Play, nas plataformas Android e Apple.

Evangelismo Escola

Pr. Raimundo Gonçalves na Escola de Evangelistas, Duque de Caxias-RJ.

Na região Caxiense do estado do Rio, está sendo realizada a Escola de Evangelismo com a presença do pastor Raimundo Gonçalves, que é evangelista da Igreja Adventista do Sétimo Dia para o Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais. Durante a manhã, aproximadamente 22 pastores e evangelistas voluntários assistem quatro horas de aula. Na parte da tarde, eles fazem visitas a pessoas interessadas em estudar a Bíblia e à noite eles participam em Pequenos Grupos nos lares ou reúnem-se em congregações. As aulas estão acontecendo na Igreja Adventista Central de Caxias, na Rua Marechal Floriano, 318, bairro 25 de Agosto.

Pastor Raimundo já é evangelista há 16 anos e com sua experiência auxilia membros voluntários que se dispõem a pregar de forma voluntária. Durante toda a semana ele está palestrando na Igreja Central de Duque de Caxias. “Somos um em busca dos cem e estamos aqui vendo a alegria destes pastores e membros que dedicam do seu tempo livre para ajudar na pregação do evangelho. Deus seja louvado pela vida deles e dos que estarão em contato conosco todas as noites!”, frisa.

Pequenos Grupos

Dos milhares de Pequenos Grupos que estão acontecendo em todo o estado do Rio de Janeiro, apenas nestas quatro regiões: Central, Leopoldinense, Serrana e Caxiense, somam-se 2 mil lares abertos. Em casas, escolas, nas ruas e até em praças.

Em Fragoso, na região Caxiense do estado, existem três igrejas e quatro grupos e ao todo são 573 amigos adventistas no local. Apenas ali existem 70 Pequenos Grupos, uma média de quase nova pessoas em cada PG recebendo novos amigos.

Em Fragoso existem 70 Pequenos Grupos funcionando nesta semana.

Jorge Batista é adventista há 51 anos e é membro atualmente, da Igreja Adventista Central de Fragoso. Sua história com Pequenos Grupos começou há 5 décadas na casa de sua mãe, que é sua vizinha. “Já liderei diversos Pequenos Grupos e fazemos sempre um formato bem cativante: lanche no final da reunião, comemoração de aniversariantes, amigo oculto e festa de Natal, jantares especiais, grupo de oração e atenção especial às crianças. Nos tornamos uma família”, sublinha. Neste ano, antes de começarem a Semana Santa, eles realizaram uma ação social em frente à casa anfitriã, com verificação de pressão arterial, divulgação os oito remédios naturais (ar, água, luz solar, exercício físico, repouso, temperança, alimentação equilibrada e confiança em Deus) e entregaram o livro missionário mais o convite para as noites da Semana Santa.

Três batismos já aconteceram nos Pequenos Grupos e Jorge se sente feliz com este trabalho. Atualmente ele lidera um PG e também é Coordenador nesta área; e reúne-se semanalmente com os coordenadores de PG e quinzenalmente com a liderança da Igreja Adventista de Fragoso.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Patrick Ferreira é o líder de Ministério Pessoal da Igreja Adventista para a região Central do Rio e conta de sua felicidade ao ver o envolvimento de pastores e membros das igrejas neste evangelismo de Semana Santa. “As igrejas estão preparadas e bem organizadas para este evento tão importante, os programas têm sido uma bênção e os Pequenos Grupos estão cheios de novos amigos. Todo este engajamento mostra a animação que esta data nos traz de esperança, salvação e renovação. Deus seja louvado pois certamente teremos muitas pessoas sendo salvas para Cristo nesta semana e pelos próximos dias por influência direta da Semana Santa”, enfatiza.

Encenação

Moradores de Petrópolis poderão assistir à encenação da Paixão de Cristo na Praça de Nogueira, na sexta (19) a partir das 19h30. Este será o terceiro ano consecutivo da apresentação que, no ano passado, reuniu mais de 800 pessoas.

Encenação Semana Santa realizada em 2018 – Praça de Nogueira, Petrópolis-RJ.

O espetáculo dura aproximadamente uma hora e conta com dez cenas. Tudo é feito por um grupo de 50 voluntários, incluindo elenco e equipe de produção, que, a partir de doações, confecciona cenários e figurinos, aluga equipamentos de som e de iluminação. A estrutura começa a ser montada a partir das 9h de sexta. O jornal Tribuna de Petrópolis deu destaque à encenação da Semana Santa, confira aqui.

Uma das voluntárias é a artesã Mirian Fernandes, de 63 anos. Além de atuar, ela trabalhou nos últimos dias na confecção de cinco capacetes para compor o figurino dos soldados romanos. Mirian buscou inspirações de modelos na internet e utilizou a técnica de cartonagem, com a qual trabalha, para fazer o acessório. “É uma alegria poder aproveitar a minha arte para ajudar a fazer esta encenação acontecer”, comenta.

O elenco envolve de crianças a idosos. Manoel de Medeiros, de 81 anos, e sua esposa, Maria Helena, de 77, atuam pela primeira vez no espetáculo e estão no grupo de pessoas que acompanha Cristo na maior parte das cenas. “Por causa dos problemas de saúde, a gente não pode fazer muito, mas isso a gente consegue fazer e tem sido muito bom”, destaca Maria Helena.

O papel de Jesus é interpretado pelo auxiliar de departamento pessoal Uenderson Gonçalves, que nas horas vagas, divide o tempo entre os ensaios da peça e a atividade de motorista de aplicativo. Uenderson é um dos idealizadores e garante que abrir mão de algumas horas para se envolver no projeto vale a pena. “O que me move é a missão de divulgar o amor de Deus, não podemos guardar o que Jesus fez só para nós, precisamos espalhar para que outros saibam”, afirma.

Ao final da apresentação, cada pessoa que estiver presente receberá um presente. O endereço da Praça de Nogueira é Rua Braz Rossi, nº 382, Nogueira, Petrópolis-RJ.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox