Notícias Adventistas

Evangelismo

Congregação inteira se torna Adventista do Sétimo Dia

Eles pertenciam a uma comunidade independente, conheceram a igreja Adventista e resolveram se batizar todos juntos


  • Compartilhar:

Trinta e duas pessoas vindas de uma mesma congregação foram batizadas na Igreja Adventista no último dia 28 de maio. O palco dessa celebração foi a Igreja Adventista da Ponte Alta, em Brasília que contou também com o batismo da pastora desse grupo, a missionária Marise Mateus.

Famílias inteiras aceitaram a mensagem e se batizaram na Igreja Adventista

O grupo fazia parte de uma igreja que era presidida por Marise desde a sua fundação, onde a guarda do sábado já era observada há mais de 10 anos e há muito tempo as literaturas e conteúdos da Igreja Adventista faziam parte dos ensinos da comunidade. Com o batismo dos novos conversos, uma nova congregação foi inaugurada no Riacho Fundo 2, a Igreja Adventista do Sétimo dia da QN5, liderada pelo pastor Enoque Lima.

Pastor André Rosa batiza Marise, líder do grupo

Para Marise esse acontecimento foi um momento muito importante para todos desse grupo, que já estavam sendo acolhidos e recebendo estudos da Igreja Adventista. “A recepção que tivemos fez toda a diferença. Uma simples mensagem no whatsapp que o pastor enviava, já tocava no nosso coração e percebíamos que era Deus que estava conduzindo toda aquela situação”, afirma a missionária que deseja fazer uma especialização em discipulado para auxiliar ainda mais na expansão da mensagem da palavra de Deus.

Segundo o presidente da igreja adventista para a região de Brasília e Entorno, pastor Max Schuabb, essa é uma grande alegria para a igreja, pois os frutos estão sendo colhidos. Os novos membros são recebidos com a certeza de que os planos de Deus estão guiando todos os passos que a Igreja dá na região. “Eu creio que esse batismo é muito emblemático. O evangelho está sendo pregado, o Espírito Santo está fazendo o seu trabalho e nós tivemos um movimento muito forte de oração por essas pessoas. Então é um movimento que começou anos atrás e Deus foi costurando cada detalhe, amarrando cada ponta para que hoje a gente pudesse chegar a esse momento”, enfatiza o presidente.

Pastor Max Shuabb expressa sua felicidade, em nome de toda a Igreja Adventista no Distrito Federal

O batismo dos novos conversos foi realizado pelos pastores Enoque Lima, Hebert Boger  e André Rosa.

Como tudo começou

Em 2007, Marise Mateus iniciou uma classe bíblica com um grupo de estudiosos da Bíblia. Esse grupo começou a ganhar força e cada vez mais pessoas se juntavam a ele, e nessas reuniões diversos assuntos eram levantados com o objetivo de aprofundarem seus conhecimentos e assim encontrarem o melhor caminho para o entendimento da Bíblia.

Entre um assunto e outro, um não passou despercebido. A questão sobre o sábado foi abordada e os estudos sobre esse tema se intensificaram, deixando Marise perplexa com a clareza do tema e angustiada por não ter se dado conta dessa orientação antes e por isso caiu de joelhos e pediu perdão a Deus por tantos anos em que passou sem perceber que Ele a chamava para um dia de descanso.

Marise Mateus e pastor Enoque Lima

Agora, com essa nova percepção da palavra de Deus, esse grupo independente, começou a observar as horas sagradas do sábado. Um tempo depois, decidiram se tornar uma congregação oficial e nomearam a pastora Marise do Nascimento Farias Mateus para presidente dessa nova igreja.

Os anos se passaram e, certa vez, Marise teve um encontro com um pastor da Igreja Adventista do Sétimo Dia. O pastor André Rosa, que atuava naquela região, convidou Marise e sua família para um jantar em sua casa, onde conversaram e ele a presenteou com diversas literaturas.

Depois disso, a pastora começou a se aprofundar ainda mais nos ensinos da Bíblia e utilizava os livros recebidos pelo pastor André e vídeos de alguns programas da Novo Tempo para entender ainda mais sobre alguns assuntos que até então eram desconhecidos e a cada nova descoberta, esses ensinos eram levados para a sua congregação que sempre recebia com o coração aberto as boas novas da salvação.

Famílias entregando a vida a Jesus

Com a chegada da pandemia e as igrejas fechadas, essa congregação passou a ter algumas dificuldades, entre elas a falta de um lugar para se reunir. Nesse período, Marise teve a ideia de começarem a frequentar a Igreja Adventista do Sétimo Dia, mas essa sugestão não agradou a congregação da pastora. Os membros foram contra essa união temendo perder a sua líder religiosa e por conta do voto da maioria, Marise desistiu da aproximação.

Entretanto, os planos de Deus eram outros e pouco tempo depois, com algumas mudanças, esse grupo aceitou a ideia proposta inicialmente por Marise e foi então que ela retomou o contato com o pastor André, que a encaminhou para o Pastor Enoque Lima, atual pastor daquela região e no dia 4 de dezembro de 2021, pela primeira vez, aquele grupo de aproximadamente 50 pessoas, entre adultos e crianças, visitou uma Igreja Adventista do Sétimo Dia, a Igreja da Ponte Alta em Brasília.

Família de Marise Mateus

Após o culto, o pastor Enoque recebeu esses novos amigos para um almoço em sua casa e durante uma conversa com a pastora Marise e também com um ancião da Igreja Da Ponte Alta, o irmão Cléber de Souza, eles decidiram que esse grupo precisava de um local para se instalar.

Pastor André Rosa batizando mais um novo membro da Igreja Adventista

No dia 18 do mesmo mês, foi iniciada uma classe bíblica com a supervisão do pastor Enoque e o auxílio do irmão Cléber. O guia de estudos utilizado para esses interessados foi o estudo Jesus restaurador da vida e ao final desse ciclo de ensino, no dia 28 de maio de 2022, 32 pessoas, incluindo Marise Mateus, foram batizadas e agora fazem parte do rol de membros da Igreja Adventista do Sétimo Dia.