Notícias Adventistas

Celebração marca os 166 anos da Escola Sabatina em Brasília

Evento comemorou data especial e proporcionou novos conhecimentos aos professores voluntários

Por Rafael Brondani 16 de outubro de 2019

O intuito do encontro foi celebrar os 166 anos da Escola Sabatina e também o Dia do Professor. (Foto: André Azevedo)

Desde 2013, quando a Escola Sabatina completou 160 anos, a Igreja Adventista do Sétimo Dia na América do Sul comemora seu aniversário sempre no segundo sábado de outubro. Desde seu início, em Rochester e Buck’s Bridge, Nova Iorque, no ano de 1853, a Escola Sabatina se multiplicou em todo o mundo e atualmente ultrapassa 21 milhões de alunos em 209 países. É por meio desta grande escola que a maioria dos adventistas de todo o mundo é incentivada a fortalecer a fé na Palavra de Deus, aprofundar a comunhão e fazer de sua vida seu testemunho pessoal.

Com o objetivo de comemorar as bênçãos e também para motivá-los a continuarem desenvolvendo seu ministério, cerca de mil professores da Escola Sabatina, desde o Rol do Berço até os adultos, de todo território da sede administrativa da Igreja Adventista para o planalto Central (APlaC), no último sábado, 12, estiveram reunidos em um evento que aconteceu na Igreja Adventista Central de Brasília. O intuito do encontro foi celebrar os 166 anos da Escola Sabatina e também o Dia do Professor.

O encontro teve a participação do grupo de louvor “O Resgate” do distrito de Formosa, o pastor Jómarson Dias, líder da Escola Sabatina da União Centro-Oeste Brasileira (UCOB), que destacou a importância que é o ministério de cada um junto à Escola Sabatina.

Para a líder do Ministério da Criança e do Adolescente da APlaC, Soraya Kassaoka, o evento reuniu um número expressivo de professores e os capacitou para a missão. “Tivemos a presença do pastor Jómarson Dias, que ministrou uma palestra sobre cuidado. O professor precisa estar antenado sobre aquilo que Jesus espera dele, ele precisa ser discípulo de Jesus. Nós precisamos imitar o Mestre e ser exemplo para nossos alunos. Estou muito feliz porque minha igreja atendeu ao chamado e compareceu ao evento. Vale a pena servir ao Senhor”, afirma Soraya.

Os participantes tiveram a oportunidade de obter mais conhecimento através de palestras. (Foto: André Azevedo)

Os participantes tiveram a oportunidade de obter mais conhecimento através de palestras. Na ocasião, também aconteceu a formatura da “Universidade Corporativa” que ofereceu o curso “Discipulado para as Novas Gerações”.

Segundo Soraya, os professores dos adolescentes formandos participaram do curso, que é oferecido à distância, com 10 aulas que envolvem leitura de artigos, livros, reunir a igreja, entre outras tarefas. “Eles tiveram que fazer atividades com os adolescentes e pais dos adolescentes. Além de realizarem 28 tarefas e assistir diversas palestras. Esse curso ajudou nossos professores a obterem mais conhecimento. Foi uma linda formatura”, conta a líder.

O líder da Escola Sabatina da APlaC, pastor Luciano Borges, lembra que a programação buscou homenagear os professores, além de ser um momento de celebração e motivação para as próximas ações. “Nosso objetivo foi celebrar o Dia do Professor, fazer um encontro que homenageou cada um dos irmãos que estão à frente desse ministério nas igrejas. Também aproveitamos o momento para orientar a ênfase que teremos para os próximos anos, principalmente na formação de uma geração missionária. Queremos trabalhar com premiações, para que isso sirva de inspiração e motivação para que cada dia o professor tenha mais ânimo para essa obra que é tão especial”, destaca Borges.

Neiva Bertoldo, professora dos adolescentes de Formosa, Goiás, participou do evento e comenta que foi uma excelente oportunidade para levar conhecimento à igreja local. “Aprendi muito. Toda vez que a gente vem aqui e ouve as palestras, sai com um grande aprendizado, com aquele ânimo de chegar lá e colocar em prática. Eu gostei muito do que o pastor falou, a questão da parte da gente ser artesanal e não industrial, a questão da gente estar sempre visitando os nossos alunos e eles enxergarem na gente um exemplo. E ver que o professor vive o que fala”, explica.

Celebrações pelas igrejas

Em Ceilândia Oeste foi planejada uma programação conjunta com o ministério infantil, por ocasião do dia das crianças, e contou com a participação maciça delas. A ideia da direção dos departamentos foi mostrar a importância do incentivo da comunhão com Deus desde o rol e as crianças contaram a história da escola sabatina. Todos os professores da escola sabatinam desde o rol até os adultos recebendo uma lembrança pelo dia.

Em Vicente Pires Sede, uma linda decoração foi realizada, também aconteceram sorteio, os membros cantaram parabéns, participaram de testemunhos, louvores e distribuição de bolo.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox