Notícias Adventistas

Casal carrega celular dentro do carro para não perder a programação da Semana Santa

Com falta de energia elétrica, recorreram ao veículo para garantir a conexão à internet

Por Maycon Santos 5 de abril de 2021

Hionara frequenta outra denominação, mas sempre aceita o convite para assistir os cultos da Igreja Adventista. (Foto: arquivo pessoal)

A Covid-19 impediu mais uma vez a realização de cultos presenciais nos templos. Programações, batismos e musicais tiveram que se adaptar ao digital para alcançar os membros e pessoas interessadas. As igrejas precisaram se habituar a essa nova realidade e realizar suas programações através de lives nas redes sociais.

A aposentada Hionara Ramos, de 53 anos, não mediu esforços para acompanhar a programação da Semana Santa promovida pela Igreja Adventista na cidade de Aparecida de Goiânia, em Goiás. Hionara foi convidada pelas primas de seu esposo, Jurandir, para assistir a transmissão.

Leia também:

Devido a uma explosão no transformador na rua de sua casa, ela ficou sem energia elétrica, mas logo teve a ideia de assistir o culto carregando o celular dentro do carro.

“Ligamos na companhia elétrica, mas eles informaram que só resolveriam o problema depois das 22 horas. Logo em seguida, falei para meu esposo ligar o carro sem pensar no preço da gasolina. Carregamos o meu celular e assistimos à programação”, conta Hionara.

Ela ressalta que se sentiu abençoada, pois Deus a ajudou com a ideia de ir para o carro e continuar participando da Semana Santa. “Jesus é bom o tempo todo!”, garante.

Mensagem que chega mais longe

Mesmo com essa série de restrições impostas pelo coronavírus, os templos adventistas no Estado de Goiás utilizaram a criatividade para alcançar o coração de milhares de pessoas na internet.

Conforme uma pesquisa apurada pelo site Inchurch, o digital veio para ficar e a migração para esse ambiente é uma necessidade durante a pandemia. A internet, assim como o uso das redes sociais, se tornou aliada na pregação do evangelho durante o isolamento social.

No território da Associação Brasil Central (ABC), uma das sedes da Igreja Adventista no Centro-Oeste, os programas da Semana Santa foram assistidas nos lares através do YouTube ou Facebook.

Os pastores que atendem a região se empenharam para transmitir os cultos no seu distrito (conjunto de templos de uma determinada região). Segundo o presidente da instituição, pastor Fábio Lúcio Dias, essa estratégia teve como objetivo atrair o maior número de pessoas.

“Dessa maneira poderíamos potencializar o alcance e foi isso que percebemos ao analisar os dados de cada transmissão. Acreditamos também no protagonismo do pastor local, que junto com as suas ovelhas e interessados podem alcançar pessoas mais próximas do seu rebanho”, explica.

Veja, na galeria abaixo, fotos da Semana Santa “Restaurados em Cristo” realizada em Goiás:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox