Notícias Adventistas

Mulher se batiza na igreja adventista após estudar a Bíblia pelo YouTube

Luzia Espíndola transcreveu tudo o que aprendia na plataforma digital.

Por Maycon Santos 17 de dezembro de 2020

Anotações dos estudos bíblicos da Luzia. (Foto: Arquivo Pessoal)

Em tempos de isolamento social a busca por cursos on-line teve um aumento de 130% durante o pico da quarentena no Brasil, segundo uma pesquisa realizada pelo Google. Mas, antes disso, os conteúdos da internet já chamavam atenção de uma parcela da população.

A busca por conhecimento motivou a dona de casa, Luzia Espíndola, a estudar sobre a série Apocalipse, por meio de vídeos do pastor Luís Gonçalves no YouTube. Ela conta que iniciou os estudos no ano de 2017 e, desde então, não parou de pesquisar sobre o tema.

“Cada vez queria saber mais e tudo aquilo que assistia eu anotava, pois era muito importante ter tudo guardado e se precisasse tirar dúvidas, teria tudo escrito”, comenta.

Depois de dois anos, Luzia conheceu a TV Novo Tempo e começou acompanhar a grade de programação da emissora assistindo aos programas “Bíblia Fácil” e “Arena do Futuro”.

A partir deste momento ela começou a estudar a Bíblia por meio dos estudos enviados pela TV. Luzia respondia todas as questões e enviava para sua instrutora bíblica, Karina.

“O pessoal da TV Novo Tempo tinha meu contato e mandou para a Igreja Adventista mais perto da minha cidade e eu recebi a visita de um dos anciãos e logo depois o pastor veio também”, relata.

Luzia conta que chegou a sonhar que estava sendo batizada pelo Pr. Luís Gonçalves. A tecnologia possibilitou esse momento e Luzia foi batizada no último domingo em um programa evangelístico na cidade de Inhumas (GO).

O programa teve a participação o Pr. Luís Gonçalves, evangelista da Igreja Adventista na América do Sul. O pastor interagiu ao vivo com o público de forma digital. (Foto: Maycon Santos)

Cerca de 160 pessoas não adventistas participaram deste momento especial. “Vamos estudar a Bíblia com esses convidados e na próxima oportunidade esperamos que eles sejam batizados para honra e glória a Deus”, disse o Pr. Paulo Oliveira, responsável pela região.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox