Notícias Adventistas

Estudos Bíblicos

Igrejas do distrito de Serraria arrecadam 470 cestas básicas para doação

Os donativos são repartidos entre três instituições que ajudam cerca de 100 famílias


  • Compartilhar:
Por conta da covid-19, abrigos e casas de caridade enfrentam mais dificuldades em receber donativos. Por isso, a Igreja Adventista do Sétimo Dia no distrito de Serraria se engajou na missão de ajudar a quem precisa. Com a contribuição dos membros e amigos, foram arrecadadas 470 cestas básicas neste ano, que continuam sendo destinadas a três entidades: Casa Luz, Casa Amor e Amigos em Ação.
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WhatsApp-Image-2020-12-24-at-15.44.05-2-617x460.jpeg
À esquerda, representantes das instituições ajudadas e à direita, Zenivalter Silva, pastor do distrito.
Para evitar aglomerações, os alimentos foram entregues a representantes de cada instituição. Eles foram recebidos pela comunidade em um culto em praça pública. As canções e palavras reafirmavam o propósito de toda a ação. “Esse evento foi um momento para conhecermos mais de perto aqueles a quem temos ajudado. Eles são o motivo de seguirmos servindo e salvando”, conta Zenivalter Silva, pastor do distrito. Os projetos sociais contemplados por essa iniciativa atingem pessoas de diferentes faixas etárias, mas todos enfrentam uma mesma dor: a fome. A Casa Luz busca atender às necessidades básicas dos moradores de rua (comida, banho, higiene, roupa limpa, calçados e agasalhos) e oferece cursos gratuitos de marcenaria e costura. A Casa Amor e o abrigo Amigos em Ação cuidam de idosos. Neste último, eles passam a morar no espaço do projeto e, na maioria das vezes, permanecem lá por toda a vida. Margarida Calheiros é diretora do abrigo, e não contém a alegria em perceber que não está sozinha nessa missão. “Manter uma casa com 30 pessoas não é fácil, mas Deus tem trazido a ajuda necessária”, expressa.
Mais do que saciar a fome, a Igreja se preocupa com o futuro das pessoas. Por isso, os voluntários disponibilizam um acompanhamento familiar, com uma equipe de psicólogos, além de apoio espiritual por meio de estudos bíblicos e livros cristãos. Quando necessário, este suporte vem motorizado. O motoclube adventista em Alagoas é um dos parceiros do projeto. Engajados em diversas obras sociais, os “Motoqueiros de Jesus” levam esperança por onde passam. A corrente iniciada no distrito de Serraria tem se estendido a comunidades vizinhas.