Notícias Adventistas

Projeto 10 Dias de Oração ganha força em redes sociais

Igreja mobiliza membros a compartilharem os momentos de oração com internautas.

22 de fevereiro de 2016
Internautas postam suas fotos e incentivam outros a participarem do projeto e conhecerem uma igreja adventista.

Internautas postam suas fotos e incentivam outros a participarem do projeto e conhecerem uma igreja adventista.

São Paulo, SP… [ASN] A Igreja Adventista do Sétimo Dia está em oração para o fortalecimento espiritual dos membros e das igrejas. Durante mais de uma semana, o projeto 10 Dias de Oração e 10 Horas de Jejum convida os adventistas a orarem e meditarem em 10 temas específicos.

Na congregação do Tatuapé o Ministério da Mulher se uniu aos outros departamentos para dar ênfase ao projeto durante sua realização. Segundo o líder de comunicação, Eduardo Luz, às 5h da manhã, os participantes podem acessar os canais de rede social da igreja e conferir a meditação em vídeo do Pr. Nelson Milanelli.

Ainda no Facebook e Twitter os internautas postam as fotos do culto matinal e concorrem a premiações pela melhor fotografia por meio da #10diasdeoracaotatuape. A revista com a temática de cada dia está sendo divulgada para os membros que não receberam a versão impressa.

A adventista Cybelle Ferraz realiza o projeto junto com os dois filhos e o esposo, para ela, o projeto estreita o relacionamento com Deus. Já nas redes sociais, a mãe e também internauta postou a foto da família com a hashtag. “Para motivar outros da igreja que não tiveram a oportunidade de fazer, e para os que não conhecem verem que eu pertenço a uma comunidade e, se tiverem interesse, procurarem e participarem dela”, conta.

No dia 27, ao final do projeto, os participantes irão realizar 10 horas de jejum em uma programação especial na igreja e compartilhar os resultados obtidos durante a semana.

Entenda o projeto– É um movimento para que milhões de pessoas mudem sua rotina e, durante dez dias, dediquem mais tempo à oração por motivos específicos e um dia para o jejum. O projeto é coordenado pela sede da Igreja Adventista do Sétimo Dia em oito países sul-americanos por meio do Ministério da Mulher. [Equipe ASN, Michelle Martins]

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox