Notícias Adventistas

Jovens adventistas doam sangue no Dia Nacional do Doador Voluntário

Voluntários dedicaram primeiras horas do dia para auxiliar quem necessita de doações.

25 de novembro de 2015
IMG_5035

Mayara Barbosa doou sangue pela primeira vez neste Dia Nacional do Doador Voluntário (Fotos: Mairon Hothon)

São José dos Campos, SP… [ASN] Como de costume, Mayara Barbosa acordou cedo, arrumou-se e tomou seu café da manhã para enfrentar mais um dia de tarefas. Mas ao invés de seguir para a faculdade,  seu primeiro compromisso foi com a solidariedade. Mayara enfrentou o medo da agulha e foi até o Hemocentro de São José dos Campos, no interior paulista, para doar sangue com seu grupo de amigos no dia 25 de novembro, data em que se comemora o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue.

Leia também:

Nesta quarta-feira, um grupo de jovens da Igreja Adventista local se organizou para colaborar com os estoques de sangue Serviço de Hematologia e Hemoterapia, que atende uma média de 30 hospitais da região. Eles fazem parte do projeto Vida por Vidas e decidiram realizar essa doação, mesmo em meio a um dia de semana, a fim de contribuir com essa corrente do bem e chamar a atenção das pessoas para a importância do ato.

IMG_5058

Pastor Marcos Ribeiro explica a importância do engajamento na Campanha Vida por Vidas: “criar uma rede solidária em nossa comunidade”

“O projeto Vida por Vidas existe desde 2005 em toda a América do Sul com o intuito de ajudar as pessoas que estão precisando de sangue e também criar uma consciência na cabeça das pessoas sobre a relevância da doação. O próprio Jesus Cristo doou tudo por nós e só nos pede para doar um pouco. Então, essa é a nossa missão, ajudar o próximo com o que está em nossas mãos. Hoje, queremos dar o nosso sangue, literalmente”, comenta o organizador do projeto na região, pastor Marcos Ribeiro.

Para Mayara, em especial, o dia foi ainda mais significativo porque essa foi a primeira vez que ela doou. Apesar de ainda estar um pouco assustada com a agulha, não desistiu, pois queria realmente ter essa experiência. “Eu até fiquei com medo antes, mas percebi que é super tranquilo. A agulha não dói e em 20 minutos eu pude ajudar alguma pessoa que, de fato, está precisando do meu sangue. Quando voltar pra faculdade, vou contar para as minhas amigas e também incentivá-las a virem aqui. Agora posso dizer que faço parte do Vida por Vidas”, conta a universitária de 22 anos.

IMG_4983

Parte do grupo dos jovens adventistas que antes de iniciarem suas atividades normais, tiveram um compromisso com a solidariedade

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), 93 milhões de bolsas são coletadas por ano em todo o mundo, mas esse número ainda é baixo. Em 173 países pesquisados, 77 têm menos de 1% da população como doadores. No Brasil, segundo estatísticas do Ministério da Saúde, apenas 1,9% dos brasileiros doam sangue. O ideal é que o número de bolsas coletadas regularmente em cada país corresponda de 1% a 3% da quantidade populacional.

Ao total, foram cerca de 30 jovens adventistas que participaram da campanha do Hemocentro de São José dos Campos na manhã desta quarta-feira. O ato voluntário também chamou a atenção das mídias locais (Rede Record e Band Vale), que noticiaram o fato dentro da Semana Nacional do Doador Voluntário de Sangue.

Como doar

A doação de sangue é um processo seguro e simples, leva cerca de 15 minutos, podendo ser feita por homens a cada dois meses e mulheres a cada três meses. O volume retirado (450 ml) é totalmente reposto após 24h, sendo que os demais componentes do sangue (glóbulos vermelhos, brancos e plaquetas) são repostos gradativamente. Para doar é preciso ter entre 18 e 65 anos, pesar mais de 50 kg e não estar em jejum. [Equipe ASN, Mairon Hothon]

Veja na galeria abaixo algumas imagens da ação:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox