Notícias Adventistas

Igreja Adventista vai construir nova clínica no sul do Brasil

Entre as novidades, nova clínica dobrará a capacidade de atendimento e será um centro de influência para a comunidade na área de saúde.

23 de janeiro de 2015
6287213

Curitiba é a maior cidade do Sul do Brasil, com 1,7 milhões de habitantes. (Divulgação)

Curitiba, PR… [ASN] Os moradores de Curitiba e região terão mais possibilidade de cuidar da saúde e conhecer os princípios da Igreja Adventista do Sétimo Dia para essa área. Uma nova clínica será construída na capital paranaense. Com o objetivo de expansão dos serviços de saúde e melhoria na qualidade do atendimento, a Clínica Adventista de Curitiba, em parceria com a sede administrativa adventista no Sul do Brasil (União Sul-Brasileira – USB), mantenedora das instituições de saúde no Sul do Brasil, adquiriu um terreno onde deverá erguer um prédio com 8,5 mil metros quadrados de área construída. A área está localizada na Avenida Vicente Machado, uma região conhecida por concentrar hospitais e clínicas.

Segundo o diretor administrativo das clínicas adventistas na USB, Altiery Kümpel, a previsão para a unidade estar pronta é de dois anos e deverá ser um centro de excelência em medicina preventiva. No local, será aplicado o conceito Hospital-Dia – quando é oferecido ao paciente uma estrutura adequada para uma internação de poucas horas, sem pernoite, para que as pessoas passem o dia na clínica de maneira confortável, se for necessário.

Leia também: Clínica Adventista de Porto Alegre contrata profissionais

Outra unidade funcionará a partir de abril deste ano e será um centro de influência

3e1de3db705d5040fd8af891692d562b

Fachada da atual Clínica Adventista de Curitiba, que fica na Alameda Júlia da Costa, 1447, Bigorrilho. (Divulgação)

Enquanto a construção do novo centro médico é planejada, os serviços da Clínica Adventista já estão sendo ampliados com o estabelecimento de uma segunda unidade em Curitiba. A partir de abril, a rua Alferes Ângelo Sampaio, número 2585, Champagnat, será o endereço do centro de check-up e medicina preventiva. A expansão irá dobrar ainda no primeiro semestre de 2015 a capacidade de atendimento da instituição adventista na cidade, que hoje é de 50 mil consultas e exames por ano. Atualmente a clínica possui 40 servidores nas áreas de atendimento, enfermagem, apoio e administrativa e 50 profissionais médicos..

A nova unidade oferecerá exames de check-up num período de seis horas. “Uma série de exames que leva semanas para ser concluída poderá ser realizada em um único dia. Isso será possível com a integração dos profissionais de várias especialidades e a concentração de exames em um só local, sem a necessidade do paciente se deslocar para laboratórios, clínicas ou centros de diagnóstico, o que irá otimizar o tempo”, afirma Kümpel. Ao final da bateria de exames, o paciente receberá um relatório com todos os diagnósticos e orientações preventivas. Uma ferramenta informativa para outros profissionais terem condições de acompanhar a saúde de cada pessoa.

Outra proposta do método da Clínica Adventista é focar a prevenção, com orientações aos pacientes sobre mudança de hábitos a fim de evitar doenças. “O objetivo é promover a saúde e não só tratar a doença. É tratar o paciente de maneira integral”, explica o diretor. Para pôr em prática esse ideal, o espaço será também o que a IASD chama de “centro de influência”, onde a comunidade poderá assistir palestras, participar de cursos e assim conhecer os princípios de saúde dos adventistas.

A Igreja Adventista mantém hoje duas clínicas no Sul do Brasil, uma em Curitiba (Alameda Júlia da Costa, 1447, Champagnat) e outra em Porto Alegre-RS (Rua Matias José Bins, 581, Três Figueiras). O novo prédio previsto para daqui a dois anos comportará a estrutura das duas clínicas de Curitiba, a atual e a que será aberta em abril deste ano.

Novo coordenador clínico é médico e teólogo

Com a expansão para uma segunda unidade e o planejamento da nova clínica, a sede sul-brasileira adventista contratou o médico Gustavo Boelhouwver Letsch. Ele é formado em Teologia pelo Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp) e em Medicina pela Universidade Adventista del Plata (UAP), na Argentina, com revalidação no Brasil pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (URGS). Letsch trabalhou nos últimos dois anos na Clínica Adventista Vida Natural, em São Roque-SP, e apresenta um quadro no programa Vida e Saúde, da TV Novo Tempo. O médico-obreiro (termo usado para designar profissionais médicos adventistas de dedicação exclusiva) irá coordenar a área clínica da nova unidade de check-up e medicina preventiva.

Para Letsch, “a Igreja deu um importante passo expandindo as clínicas, principalmente no ano em que a organização no mundo irá evangelizar com enfoque na saúde”. Entre as iniciativas do coordenador, ele espera apoiar e participar dos projetos de saúde das sedes administrativas, igrejas e escolas da Igreja no Sul do Brasil.

Região Sul engajada no propósito da Igreja mundial

Viva_com_esperanca

Igreja Adventista lançou literatura sobre o estilo de vida saudável. (Reprodução)

A saúde é o tema evangelístico dos adventistas em 2015 com o lançamento do livro Viva com Esperança, escrito pelo conferencista Mark Finley e pelo cardiologista nuclear Peter Landless,que é diretor mundial de Saúde da IASD. Além do material a ser distribuído nos formatos impresso (22 milhões de cópias) e digital, a Igreja promoverá neste ano ações nas comunidades, como feiras de saúde, atividades físicas e cursos de alimentação saudável.

O investimento nessa área, seja com a expansão da clínica, contratação de profissionais, treinamentos e promoção de ações pelas igrejas nas comunidades, mostra que que a IASD no Sul do Brasil está envolvida com a proposta da Igreja no mundo. “Neste ano em que a ênfase da Igreja mundial é a saúde, a USB fortalece a visão ao votar a ampliação da Clínica Adventista de Curitiba. Um espaço maior foi adquirido e dentro em breve um novo prédio estará sendo construído. A vinda do médico e pastor Gustavo Letsch para a clínica também fortalece o conceito de unir cada vez mais a saúde física, mental e espiritual”, aponta o presidente da USB, pastor Marlinton Lopes.

Scanne001

Edição especial da revista Vida e Saúde, distribuída no Sul do país. (Reprodução)

Uma das iniciativas que destacam o engajamento da administração da IASD nessa região com a divulgação dos princípios de saúde dos adventistas é a distribuição de uma edição especial da revista Vida e Saúde, sobre os “oito remédios de Deus”. Com tiragem de 125 mil exemplares, a publicação foi encomendada pela Igreja no sul do Brasil a fim de ser entregue nas igrejas, clínicas e nas comunidades por meio dos colportores (que distribuem e vendem livros de casa em casa).

Projetos que vão além da saúde física e mental

A Igreja Adventista usa o termo “obra médico-missionária” para se referir ao serviço de saúde prestado por meio de médicos e instituições. Essa visão é fundamentada nos ensinos de Jesus Cristo sobre a atenção que Seus seguidores devem ter com as pessoas que precisam de ajuda. Para os adventistas, iniciativas como essa são um importante meio de evangelismo, como menciona a escritora Ellen White no livro Conselho Sobre Saúde: “O plano de prover instituições para o cuidado apropriado dos doentes, originou-se com o Senhor. Ele instruiu o Seu povo no sentido de que essas instituições sejam estabelecidas”. Em seus escritos, ela também defende a obra médico-missionária para que os doentes possam ser tratados de maneira diferente do que em outras instituições, conhecendo os princípios bíblicos.

A Clínica Adventista exerce a obra médico-missionária e oferece atendimento às pessoas carentes. Também dá suporte a projetos de iniciativa das igrejas locais, como o Missão Resgate, que provê alimentos, roupas e itens de necessidade básica a moradores de rua em Curitiba. Com as doações que a clínica recebe, projetos sociais podem ser apoiados. É o caso do médico Carlos Michiles Frank, que foi voluntário do projeto Missão Filipinas, onde atendeu moradores necessitados do país.

Conheça o trabalho desenvolvido por ele: Médico adventista participa de projeto voluntário em país asiático

Para quem deseja contribuir com doações financeiras para programas assistenciais e missionários, estes são os dados para depósito: Banco do Brasil, agência 3511-4, conta corrente 27.642-1, Instituição Adventista Sul Brasileira de Saúde, CNPJ 15.116.763/0004-12. [Equipe ASN, Gustavo Cidral]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox