Notícias Adventistas

Associação Maranhense leva 12 troféus no “Melhores do Ano” da Educação

Por Agência Adventista Sul - Americana de Notícias 8 de junho de 2021

Gestores da Educação AMa recebendo os troféus. Foto: Arquivo Pessoal

 

A Educação Adventista, administrada pela Associação Maranhense (AMa) recebeu uma premiação que surpreendeu até os gestores dela. “É claro que esperávamos ser premiados em algumas categorias, mas nem nos maiores sonhos pensei que a bênção seria tão grandiosa!”, diz Marcelo Matos, departamental de Educação da AMa.

A surpresa se deve ao fato da educação ser uma das áreas que experimentaram os maiores desafios durante a pandemia que impactou o mundo em 2020 e ainda persiste em 2021. Porém, os troféus demonstram que as estratégias  e ações tomadas deram certo, tanto as que foram adotadas para que as escolas continuassem se desenvolvendo quanto aquelas referentes à manutenção da qualidade do ensino.

Equipe levantando os troféus recebidos. Foto: Arquivo Pessoal

 

A premiação aconteceu durante o evento realizado na sede da União Norte Brasileira (UNB) (https://noticias.adventistas.org/pt/noticia/educacao/educacao-adventista-norte-planeja-avancos-para-2022/), entre os dias 28 e 30 de maio. Os diretores das seis unidades educacionais de São Luis, Caxias, Codó e Coroatá acompanharam a premiação através da internet, e em breve haverá um encontro local para celebração da conquista.

 

Bênçãos em meio ao caos

Ao mesmo tempo em que era necessário vencer os desafios impostos pela mudança na forma de ensinar, quando de um dia para o outro, as escolas foram fechadas e os professores tiveram que se adaptar repentinamente, as equipes precisavam trabalhar para matricular para o ano seguinte.

O impacto na economia também repercutia no bolso dos pais, que precisaram repensar suas prioridades financeiras quando viram a renda cair; e as pesquisas diziam que as escolas privadas seriam as que mais sofreriam. Entretanto, o  improvável aos olhos humanos aconteceu quando a Educação na AMa encerrou a campanha de matrículas com um crescimento de 7% no número de alunos.

“Isto reflete o reconhecimento das famílias para os benefícios recebidos pelos filhos, o que fez com que eles fizessem cortes em outras áreas do orçamento e mantivessem os filhos matriculados regularmente. Foi bênção em cima de bênção!”, conclui Marcelo.

 

Profa. Lígia Souza, Prof. Marcelo Matos, Pr. Edinaldo Martins e Prof. Joslley Gomes levando 12 troféus da premiação. Foto: Arquivo Pessoal

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox