Notícias Adventistas

Estudantes economizam e servem alimentos a necessitados

Valor de economia feita em cofrinhos virou pão e sopa para moradores de rua em Praça de Belém no Pará

Por Gerllany Amorim 13 de dezembro de 2018

Graças a atitude dos estudantes, moradores de rua como seu Rubenil tiveram a alimentação do dia. (Foto: Gerllany Amorim)

Uma aula de solidariedade. Mas dessa vez, a lição veio de quem ainda não alcançou o diploma, mas já tem muito a ensinar. Nesta quarta-feira, 12, alunos do 5º ano da Escola Adventista do Coqueiro, em Ananindeua no Pará encerraram um projeto de educação financeira com uma ação solidária oferecida a moradores em situação de rua no centro de Belém. Após praticarem a economia o ano inteiro em cofrinhos confeccionados pelos estudantes em sala de aula, o dinheiro arrecadado foi utilizado no preparo de sopa que foi servida com pão a essas pessoas que vivem no entorno da Praça da República.

Ângela Vasconcelos tem apenas 10 anos de idade e já sabe bem o que uma boa ação traz de benefícios para o mundo. “Eu penso que, quando a gente ajuda alguém, essa pessoa também vai se sentir capaz de ajudar outro e esse ciclo se repete, então a gente está ajudando o mundo a ser um pouco melhor”, garantiu Ângela. A mãe dela, a enfermeira Tarsila Vasconcelos, fez questão de acompanhar a filha e reiterou que a atitude de ajudar o próximo é benéfica também a quem doa. “Eu trabalho em um ambiente hospitalar e vejo de perto o quanto ajudar o outro quando ele mais precisa, faz bem não só a ele, mas ainda mais a nós que nos sentimos revigorados”, reiterou Tarsila.

O dinheiro economizado o ano inteiro pelos estudantes virou pão e sopa para alimentar necessitados (Foto: Gerllany Amorim)

Como tudo começou… 

O projeto de Educação financeira foi proposto pela professora Sandra Gomes no início do ano e teve total envolvimento dos pais dos alunos. Com a orientação dela, eles confeccionaram os cofrinhos com materiais reutilizáveis em sala de aula e levaram para casa, para que junto dos pais, juntassem as economias que seriam destinadas a um objetivo solidário na época natalina. E assim o fizeram. Este mês, ainda na escola, os cofrinhos foram abertos e todo dinheiro arrecadado foi utilizado para a compra dos ingredientes da sopa, que foi oferecida pelos próprios alunos a moradores de rua. “Durante todo o tempo em que trabalho como professora sempre procurei fazer projetos diferentes e que, não só faça os alunos aprenderem didática, mas que traga algum valor para a vida deles. Com esse não foi diferente. Essa prática é tão comum com eles que a ideia da sopa veio de um dos alunos, ou seja, é natural esse gesto fraterno neles e que procuramos sempre estimular”, contou a professora Sandra.

Leia também:

Estudantes realizam cantata em shoppings no Pará “O Natal já chegou”

Projetos solidários

Além desse projeto, as escolas da rede incentivam os alunos a participarem de mutirões solidários como doação de cestas básicas a famílias carentes da cidade e ainda, na região das ilhas, que possui um número considerável de habitantes que vivem em situação carente. Os alunos participam ativamente dessas ações. “A educação Adventista possui em sua metodologia de ensino o objetivo de formar o cidadão de forma integral e, portanto, despertar a nova geração para além do ensino didático, mas ainda, a formação enquanto cidadão que inclui o espírito solidário”, explicou a diretora da escola, Ester Oliveira.

Confira mais fotos da ação solidária dos alunos da Escola Adventista do Coqueiro, em Ananindeua no Pará:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox