Notícias Adventistas

Escolas adventistas do estado de São Paulo têm nova matriz curricular

Projeto foi apresentado para orientadores e coordenadores pedagógicos da rede paulista.

Por Lucas Rocha 13 de junho de 2019

Os alunos do Ensino Fundamental das Escolas Adventistas no estado de São Paulo vão ter uma nova matriz curricular. A mudança nas disciplinas e avaliações tem como principal objetivo atualizar a atual matriz de acordo com o BNCC (Base Nacional Comum Curricular), documento normativo elaborado pelo Ministério da Educação (MEC). A nova matriz para as escolas paulistas antecipa alguns pontos do Referencial da Educação Adventista para o Ensino Fundamental que será aplicado em toda a rede brasileira.

Leia também: 

A nova matriz curricular para o Ensino Fundamental exclusivo para unidades da Educação Adventista no território paulista foi apresentado para orientadores e coordenadores pedagógicos da região durante encontro realizado entre os dias 2 e 5 de junho, em Poços de Caldas, cidade mineira que faz divisa com São Paulo. O diretor do ensino adventista no estado, pastor Ivan Góes, acredita que essa mudança é muito significativa para o futuro da instituição à nível nacional.

Confira algumas fotos dos melhores momentos do encontro: 

Este slideshow necessita de JavaScript.

A matriz curricular da Rede Adventista para São Paulo especifica as habilidades que devem ser desenvolvidas em cada disciplina oferecida aos alunos do Ensino Fundamental, bem como quais habilidades devem ser adotados como critérios para avaliação. A divulgação e a implementação desse novo passo está sob a tutoria da coordenadora geral da Educação Adventista no estado, Fúlvia Franks. Na opinião da educadora, “esse é um momento muito importante, pois significa que estamos nos reestruturando conforme o crescimento das unidades e o aumento das matrículas.”

Encontro de coordenadores paulistas

A notícias dessa reestruturação, assim como palestras especiais, oficinas e expositores, marcaram o encontro, que reuniu mais de 290 coordenadores, em sua maioria, do gênero feminino. O programa também contou com momentos espirituais e de networking. “É preciso investir nos profissionais da Educação Adventista, proporcionando um evento como este, por exemplo. O futuro da Igreja está atrelado ao crescimento de uma instituição tão importante, que forma tanta gente”, defende o pastor Domingos Sousa, líder dos adventistas em todo estado paulista.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox