Notícias Adventistas

Encontro online de médicos apresenta estudos sobre saúde mental

O encontro foi promovido pela Associação dos Médicos Adventistas em parceria com a Faculdade Adventista da Bahia e envolveu profissionais e estudantes da área.

Por Wiliane Passos 30 de novembro de 2020

O evento foi 100% online e apresentou importantes pesquisas nacionais e internacionais sobre a saúde mental

A Associação dos Médicos Adventistas(AMA), mantendo a tradição de realizar a cada ano um evento científico e em comemoração ao seu 6o aniversário, realizou o 1o Meeting Online da AMA em parceria com a Faculdade Adventista da Bahia(Fadba). Profissionais e estudantes da área da saúde, pastores e departamentais da área, estiveram conectados no Brasil, Argentina, Chile, Paraguai, Uruguai, Bolívia.

O tema escolhido foi: “Mente saudável: o paradigma original“ e de acordo com o doutor Lionel Leitzke, presidente da AMA, as expectativas eram estudar o tema Saúde Mental, com foco no paradigma original criado por Deus, apresentado por palestrantes internacionalmente reconhecidos pelas suas competências e experiências profissionais e teológicas.

O meeting foi coordenado pelo doutor Telmo Morsch e recebeu palestrantes de diferentes países. Dr. Rogério Gusmão, líder do departamento de saúde da Igreja Adventista do Sétimo Dia para toda a América do Sul, destacou o empenho e o tempo dedicados para trazer os médicos e profissionais da saúde para se envolverem na missão da igreja e para conhecerem e aplicarem a filosofia de saúde na sua vida e no seu trabalho profissional.

Desafios

Dr. Telmo explica que o maior desafio enfrentado pelos profissionais de saúde no contexto do cuidado com a saúde mental é a discriminação e a falta de conhecimento.

“Doenças psiquiátricas são doenças, iguais a outras como Diabete, Hipertensão. O cérebro é um órgão como outro qualquer, como o fígado como o pâncreas e que adoece também. Como acontece com as outras doenças sistêmicas, as doenças psiquiátricas quando não tratadas, se agravam e cronificam”, alerta Morsch.

Lionel também enfatiza que para superar os desafios é preciso em primeiro lugar cuidar de sua saúde, estar saudável, no sentido integral (físico, mental e espiritual). Também é importante ter sólidos conhecimentos bíblicos e científicos, e na sua comunhão com Deus orar para que lhe sejam abertas oportunidades de ajudar a salvar vidas não somente físicas, mas mentais e espirituais.

Sobre o assunto:

O primeiro palestrante do evento foi o doutor Peter Landless, que é diretor do Departamento de Ministérios de Saúde da Igreja Adventista no escritório administrativo mundial. O departamento também supervisiona e fornece consultoria para o desenvolvimento e operações de hospitais e clínicas adventistas em todo o mundo.

“Não há saúde física sem saúde mental”

Dr. Landless falou sobre o assunto da saúde mental que está tomando o palco e o foco do mundo atualmente. Apresentou que a ansiedade e a depressão são a causa principal de enfermidade no mundo de hoje e que isso tem sido agravado com a pandemia.

“É interessante que, na última parte do século 20, a Organização Mundial de Saúde incluiu na definição de saúde este conceito holístico de saúde como não apenas a falta de doença física, mas também de bem-estar mental e emocional, como essenciais ao bem estar”.

Landless explicou que Deus deu leis de saúde, leis morais e leis sociais. E que a ciência está mostrando que pessoas que têm crenças religiosas e estão envolvidas no bem-estar dos outros têm um sistema imunológico melhor, o que pode ser uma oportunidade para agir e apresentou sugestões.

“O secretário geral das Nações Unidas apontou que a COVID-19 tem trazido a necessidade por ação na saúde mental. Precisamos responder proativamente para proteger a saúde mental. Trabalhemos junto com os Ministérios de Saúde e Educação, Ministérios da Família, Ministérios dos Jovens e Ministérios das Mulheres, para cooperarmos juntos, fazendo a diferença”, apelou.

Autocuidado

Um dos temas apresentados no meeting foi a saúde do médico adventista e o autocuidado, pelo doutor Luiz Fernando Sella, que apresentou o relatório de uma pesquisa realizado com médicos adventistas e estudantes de medicina, que obteve 127 respostas. No estudo foram analisados dados como demografia, antecedentes familiares, pessoais, qualidade do sono, prática de exercício físico, alimentação, entre outras práticas cotidianas.

“O estudo revelou que os médicos apresentam bom estado de saúde em geral, porém a maioria não tem um clínico/médico responsável e fazem exames complementares por conta própria. Além disso também foi mostrado baixa adesão aos recursos de saúde da igreja, baixa exposição solar; pouca prática de exercício físico; 11% com sintomas de ansiedade/depressão e estresse; 30 % com sintomas de exaustão emocional; baixo índice de leitura”, entre outros.

Otimizando o cérebro

O doutor Neil Nedley apresentou um estudo feito com 80 mil britânicos, em que havia uma relação dose-resposta entre o consumo de frutas e verduras e a felicidade auto-relatada e satisfação com a vida, que mostrou que a maioria das pessoas felizes comem mais de 7 a 8 porções de frutas e verduras por dia.

Nedley mostrou que a nutrição tem um papel muito importante no cérebro. Uma avaliação recente de um jornal prestigioso Lancet Psiquiatria disse: “Agora é a hora para o reconhecimento da importância da nutrição e da suplementação de nutrientes na psiquiatria”, “Medicina nutricional agora deve ser considerada um elemento convencional da prática da psiquiatria”, mostrou.

Outro assunto abordado pelo doutor Neil tratou dos apegos aos aparelhos celulares, que tem se intensificado a tal ponto, que a mera presença reduz a inteligência.

“O Doutor Ward, que é um dos pesquisadores em uma das maiores pesquisas feitas em um milhão de jovens nos Estados Unidos, diz que a integração dos celulares na vida diária parece causar um dreno cerebral que pode reduzir algumas habilidades mentais vitais como: aprendizagem, raciocínio lógico, pensamento abstrato, resolução de problemas e criatividade”, complementa.

“E note esse estudo da Universidade de Londres. Fazer muitas tarefas ao mesmo tempo, que é o que pessoas fazem nos smartphones ou computadores, na verdade reduz o seu QI. Para os homens essa diminuição na pontuação foi de 15 pontos, claramente dando a eles as mesmas capacidades mentais que uma criança de oito anos”, destaca.

Apesar de tudo isso, uma maneira de incentivar o desempenho é através do aprendizado 3d. O movimento das mãos é iniciado na parte do fundo do lóbulo frontal do cérebro, então, usando as mãos em 3d, como para tocar um instrumento musical, ou fazendo agricultura, plantando e colhendo frutas e verduras, ou até lavando os pratos, essa área do lóbulo frontal expande e eleva a circulação e isso pode ajudar consideravelmente em relação ao desempenho acadêmico.

“Quem você é, na verdade, é o que está entre essas duas orelhas. É seu cérebro”, conclui Nedley.

Impressões

A abordagem de Psiconeuroimunologia foi o assunto que mais chamou a atenção de Pablo Castro, farmacêutico e bioquímico que participou do evento como ouvinte. “A abordagem me ajudou bastante nos estudos na área de psicofarmacologia e neurociência. O desafio é sair da teoria do que foi exposto e colocar em prática todas as orientações para termos melhor saúde mental e nutricional”, completa.

Sobre a AMA:

É uma associação sem fins lucrativos, aberta a todos adventistas médicos e estudantes de medicina no território da Divisão Sul-Americana. O foco é integrar, motivar e qualificar médicos como missionários nas suas atividades profissionais diárias, oferecendo conteúdos bíblicos e científicos relevantes integrados e criando oportunidades de atividades práticas.

Durante todo o ano a AMA promove eventos com as suas representantes regionais. São realizadas lives sobre diferentes assuntos, reuniões de debate, entre outros. A programação está disponível nas redes sociais da AMA.

Pr. Eber Liessi, diretor da Fadba, Dr. Lionel Leitzke, líder da AMA, Dr. Telmo Morsch, coordenador do I meeting online e Dr. Elias Lima, líder regional – AMA Leste

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox