Notícias Adventistas

Educação Adventista no Sul do Brasil alcança crescimento de 10% em número de alunos

No ano passado a Educação Adventista possuía 38.817 alunos. Em 2018 são 42.708 estudantes.

20 de março de 2018

Por Jéssica Guidolin

Rede no Sul do Brasil recebe 3.891 alunos a mais.

Presente em 165 países, a Educação Adventista atende mais de 210 mil alunos, proporcionando um ensino que preza valores e princípios. No Sul do país, em 2017, a rede educacional era composta de 38.817 alunos espalhados pelas 73 unidades existentes na região. Entretanto, a intenção era que neste ano houvesse um crescimento de 10% no número de estudantes.

“Deus nos deu a missão de se desenvolver em todas as áreas. Quando pensamos em crescer 10% ao ano (durante cinco anos) foi um desafio! Muita gente achou que estávamos sendo ousados, fora da possibilidade. Mas eu sempre penso que Deus não está limitado aos nossos sonhos. Na verdade, se limitamos Deus dentro de algo que é tão possível, como Deus vai se manifestar? “, analisa o diretor financeiro da Igreja Adventista no Sul do Brasil, pastor Edson de Medeiros.

Foram oito meses de trabalho intenso de toda a equipe pedagógica das escolas, a fim de alcançar este objetivo. Na última segunda-feira (19), o departamento atingiu a marca de 10,02% de crescimento, que corresponde a 3.891 alunos a mais do que no ano anterior. Mas esta meta não se resume a números, como reforça Edson: “Não é pelo simples fato de ter uma rede educacional grande, é porque nós temos uma missão, que é tornar a vida das pessoas diferente, tornar suas famílias melhores, solidificar os valores que nós acreditamos, os valores cristãos, de família, honestidade, fidelidade, respeito ao próximo, e com isso fazer com que nossos alunos possam ter uma formação completa:  física, mental e espiritual”, destaca.

Rubens Silva, líder da Educação Adventista na região, acredita que todo o esforço da equipe só foi recompensado graças ao direcionamento adotado desde o início de colocar a espiritualidade em primeiro lugar. “Há anos estamos perseguindo o crescimento de matrículas, e em momentos de crise como esse, alcançar uma meta tão privilegiada como essa é muito importante e motivo de muita gratidão para nós. Além de representar a resposta de Deus naquilo que estamos fazendo, confirma para nós que colocar a Deus em primeiro lugar é realmente o melhor para todas as frentes da igreja. Se não fosse essa a ênfase, nós não teríamos conseguido”, comemora.

 

 

 

 

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox