Notícias Adventistas

Educação Adventista lança projeto Escola Sustentável no Centro-Oeste

Ideia do Escola Sustentável e preocupação com meio ambiente foram pontos importantes em concílio de educadores adventistas.

Por Jenny Vieira 22 de agosto de 2019

O Marketing da Educação da UCOB lançou no evento o projeto Escola Sustentável para todos os administradores das escolas da região

No último Concílio de Educação, entre os das 18 e 21 deste mês, a Educação Adventista do Centro-Oeste lançou o projeto Escola Sustentável. O lançamento alcançou os administradores das 36 escolas da região. O programa quer conscientizar alunos e professores a respeito da economia de água e energia, bem como da preservação do meio ambiente. “O nosso objetivo é contribuir de maneira efetiva e relevante para com o meio ambiente. Além de levar economia às unidades escolares. O projeto vai estimular os alunos e colaboradores da rede de Educação Adventista do Centro-Oeste a uma mudança de comportamento visando a sustentabilidade em diversas frentes”, explicou Milena Rodrigues, responsável pelo Marketing da Educação nesta região.

A conscientização para a economia no consumo de água e energia elétrica será lançada para os alunos na semana do Dia da Árvore, 21 de setembro. “Atualmente, na região centro-oeste do Brasil, emitimos 1.540 toneladas de CO2 com energia elétrica em nossas unidades escolares. Se reduzirmos 5% dessas emissões, diminuiremos 77 toneladas de emissões de CO2. Não parece muito, mas a economia é de cerca de R$ 197.285,00 por ano. Com a redução de 10%, deixaremos de emitir 154 toneladas de CO2 e vamos economizar, em média, R$394.571,00. Para isso, precisamos trabalhar todos juntos na conscientização e neste tipo de prática”, explica Dheuller Fagundes, tesoureiro responsável pela Educação no Centro-Oeste do Brasil.

Outras ações que serão realizadas nas escolas, por meio do projeto Escola Sustentável é a confecção de Ecobags, que são sacolas sustentáveis para compras de mercado, e a distribuição de 30 mil sementes de árvores que serão plantadas pelos alunos. Cada escola poderá adaptar o projeto à sua realidade, e criar novas ações sustentáveis. Todas as unidades estarão participando de uma gamificação que contabilizará a maior economia e premiará as escolas vencedoras.

Treinamento para administradores

O Concílio de Educação também teve foco no treinamento dos administradores das escolas, para impulsionar as matrículas de 2020 e melhorias nas equipes de funcionários. Entre vários pontos abordados pelos palestrantes, o atendimento ao cliente foi o principal. “A escola precisa primeiramente entender quem é o seu cliente e qual a imagem que a comunidade em geral tem da instituição. Depois disso, é preciso criar mecanismos de atendimento para trabalhar especificamente com o seu cliente”, explica o consultor de vendas, Gustavo Malavota.

“Você precisa tratar o outro como o outro gostaria de ser tratado e não como você gostaria”, enfatizou o consultor de vendas, Gustavo Malavota.

Dicas para um bom atendimento como: nunca deixar um pai de aluno esperando, sempre oferecer atenção ao cliente e tirar as dúvidas desse ‘pai’ com todo o cuidado, foram destacadas pelos palestrantes. A ideia foi ressaltar que as escolas adventistas sejam reconhecidas pelo atendimento de qualidade.

Outro fator destacado foi o reconhecimento das competências de cada funcionário. “É possível que a pessoa que atende na escola não tenha muita simpatia. Talvez seja uma pessoa tímida e séria. É preciso reconhecer isso primeiramente para poder trabalhar com essas características e estabelecer, por meio de treinamentos, uma postura ideal para o atendimento ao cliente”, ressaltou Malavota. O profissional desmistificou, ainda, a frase conhecida que diz: “Trate o outro como você gostaria de ser tratado”. “Quando o assunto é vendas, essa frase está errada. Você precisa tratar o outro como o outro gostaria de ser tratado e não como você gostaria”, enfatizou.

Assuntos como Educação Inclusiva e Escola Bilíngue também foram temas discutidos no encontro de Educação que contou com a participação de 150 profissionais da área, entre diretores e tesoureiros de escolas, bem como coordenadoras e departamentais dos cinco campos da região Centro-Oeste.

Acompanhe mais fotos do evento:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox